O que um radiologista faz na prática e como é a sua rotina?

radiologista o que faz

Você sabe o que faz um radiologista e por que esse profissional é tão importante para a área de Saúde? O setor tem sido bastante requisitado no mercado de trabalho, atraindo cada vez mais estudantes para a profissão.

No entanto, antes de tomar a decisão e escolher o curso de Radiologia, é fundamental ter em mente que será preciso desenvolver conhecimentos e habilidades específicas para o exercício da ocupação. Nesse sentido, a graduação é o melhor caminho para adquirir capacitação e sucesso na carreira.

Continue acompanhando e saiba como é o cotidiano do profissional de Radiologia e suas principais atribuições. Confira a seguir!

O que faz o radiologista?

A Radiologia é um setor da Saúde que capacita indivíduos a lidarem diretamente com equipamentos radiográficos para uma série de procedimentos clínicos e médicos. O profissional também pode atuar no preparo de pacientes para a realização de diagnósticos por imagem, no processo de filmes radiológicos, entre outras atividades.

A faculdade de Radiologia aborda, entre outros assuntos, conhecimentos referentes às técnicas radiológicas e radioterápicas. O ideal é que o curso disponibilize ambientes práticos e simuladores da profissão, além de um laboratório, oferecendo ao estudante um intercâmbio de informações teóricas e práticas essenciais para quem atua na área de Saúde.

Para realizar essas atividades, porém, é fundamental estar sempre preparado para imprevistos, sendo capaz de tomar decisões rapidamente. Uma boa comunicação inter-relacional também é uma habilidade imprescindível, pois o profissional tem contato frequente tanto com pacientes quanto com os colegas da equipe.

Segundo dados do Portal Salario, o salário do radiologista está na média de R$ 2.283,27, considerando uma jornada de trabalho de 29 horas semanais. No entanto, o valor pode variar a depender das qualificações e das capacitações, assim como do tempo de atuação do indivíduo na profissão.

Quais são as principais atividades da área de Radiologia?

Na graduação em Radiologia, é possível adquirir os principais conhecimentos da área e preparar-se, da melhor forma, para o mercado de trabalho. Portanto, é imprescindível investir em uma formação de nível superior para atingir diferencial, tornando-se valorizado e requisitado nas empresas e nas instituições.

Aqui na Anhanguera, oferecemos apoio personalizado para cada fase da experiência acadêmica, disponibilizando um sistema de ensino inovador para os nossos graduandos. Com isso, buscamos formar pessoas capacitadas e conscientes para exercer as atividades profissionais de forma responsável, sempre pensando no bem-estar dos pacientes.

Portanto, se você está considerando seguir na profissão, confira a seguir quais são as principais atribuições do radiologista e como é o dia a dia de trabalho.

Preparo de pacientes

Para além da interpretação de exames e da realização dos procedimentos, o profissional, como comentamos, lida diretamente com o preparo dos pacientes. Dessa forma, saber comunicar os resultados médicos com precaução e desenvolver um bom relacionamento com as pessoas é essencial na prática da ocupação.

Instruções sobre exames

Parte do trabalho técnico exercido em Radiologia é voltado para a utilização de aparelhos que emitem radiação, o que pode ser bastante prejudicial para a saúde. Portanto, o radiologista é o principal responsável por informar as instruções sobre a realização dos exames, tendo o cuidado de seguir sempre as regras para o uso das máquinas e a execução dos demais procedimentos.

Execução de exames radiográficos

Outra atividade bastante comum do cotidiano do radiologista é a execução de exames radiográficos, como os de raios X e a mamografia. Por meio desse trabalho, é possível atuar no combate a uma série de doenças; afinal, trata-se de uma maneira eficiente de colher imagens de áreas internas do organismo dos pacientes. Com isso, é possível, por exemplo, rastrear alterações nos tecidos e, ainda, identificar diferentes patologias e seus avanços.

Manuseio de itens relacionados aos exames

O profissional também deve saber como manusear adequadamente os itens relacionados aos exames, uma vez que as imagens apresentam todas as informações necessárias para a avaliação de cada diagnóstico. Assim, por envolver a seleção de materiais usados diretamente na administração dos exames, é imprescindível que o radiologista seja organizado e concentrado para desempenhar bem os serviços.

Organização das salas de exames

Para garantir a segurança dos pacientes e acomodá-los adequadamente no momento da realização dos exames, o profissional também deve atuar na organização das salas. Portanto, é preciso conhecer e executar todas as regras exigidas para o uso das máquinas, orientando verbalmente os indivíduos dos procedimentos e dos passos necessários para os testes clínicos e médicos.

Acompanhamento de processos de radioterapia

Os processos de radioterapia utilizam radiações ionizantes para localizar, destruir e impedir que células de tumores aumentem nos pacientes. Grande parte das pessoas com câncer, por exemplo, são tratadas por meio do procedimento. O radiologista, assim, é o principal responsável por acompanhar e orientar os indivíduos com boas práticas ao longo da realização do tratamento radioterápico.

Sem dúvidas, a área de Radiologia é bastante interessante para quem tem aptidão para lidar com pessoas e gosta da área de Saúde. Para atuar no setor, portanto, deve-se cursar o Tecnólogo que tem a duração de 2 anos, adquirindo todos os conhecimentos teóricos e práticos essenciais para o exercício da profissão.

Como se destacar na carreira?

Para obter diferencial na carreira, também é recomendável estar sempre atualizado sobre novidades e tendências da área. Até porque, o aprimoramento das tecnologias e seu uso no diagnóstico por imagem já é uma realidade para o setor, representando avanços expressivos na medicina mundial.

Portanto, investir em uma formação acadêmica e saber qual é a modalidade na qual você deseja atuar dentro da Radiologia é essencial para atingir sucesso e realização profissional. Para atrair ainda mais a atenção do mercado de trabalho, você também pode apostar em qualificações e agregar valor ao seu currículo.

O radiologista é, sem dúvidas, uma ocupação de extrema importância para a área de saúde clínica e médica. Além da formação superior, um bom profissional também deve oferecer outros diferenciais, como ser proativo, eficiente, ético e estar sempre atualizado com relação às tendências do setor. Com isso, você aumenta as chances de alcançar melhores oportunidades e sair na frente da concorrência.

Gostou do conteúdo? Quer saber mais sobre o curso de Radiologia da Anhanguera? Então, entre em contato agora mesmo com a nossa equipe!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.