Tudo sobre o curso de Enfermagem

estudante de enfermagem

O curso de Enfermagem é um dos mais tradicionais da área da saúde. Bons salários, amplas possibilidades de atuação e grande oferta de faculdades que oferecem o bacharel são fatores que influenciam em sua popularidade.

Se você chegou até aqui, imaginamos que tenha interesse na profissão. Como o primeiro passo é se dedicar a faculdade de Enfermagem, preparamos um guia com as principais informações sobre o curso. Continue a leitura e fique por dentro!

Como funciona a área de Enfermagem?

Se você sonha em ser um profissional fundamental para o bem-estar e a saúde daquelas pessoas que estão à sua volta, saiba que a área da Enfermagem é uma ótima opção. Inclusive, ainda permite que o profissional siga em três caminhos.

Essa área da saúde permite que qualquer pessoa estude para se tornar técnico em enfermagem, auxiliar de enfermagem e até mesmo enfermeiro ou enfermeira — caso conclua a graduação em Enfermagem. A principal característica que diferencia cada uma dessas profissões são as responsabilidades atreladas diretamente às funções que cada um exerce

Assim, entender quais são essas diferenças é extremamente importante para saber qual profissão deseja seguir carreira e como o curso de Enfermagem é essencial para o ramo da saúde. Veja detalhes!

Auxiliar de Enfermagem

O auxiliar de Enfermagem, como o próprio título já diz, dá assistência ao enfermeiro e à enfermeira no compromisso com o paciente. 

O profissional que tem o título de auxiliar apresenta deveres de atuação em atividades menos complexas e de menor responsabilidade.

Para ser um profissional auxiliar de Enfermagem, é necessário fazer um curso reconhecido pelo COREN (Conselho Regional de Enfermagem) do estado onde o aluno atuar. Também é obrigatório que o auxiliar de enfermagem possua um registro no COREN.

As pessoas que desejam seguir carreira como auxiliar na Enfermagem podem iniciar os estudos a partir dos 17 anos, mesmo estando cursando o ensino médio, e o tempo de duração do curso é de 18 meses. 

Porém, ao se formar enquanto auxiliar, não receberá um titulação como técnico ou bacharel, embora possa trabalhar normalmente na área.

Veja quais são as tarefas que um auxiliar de Enfermagem terá em sua rotina profissional:

  • alimentar o paciente ou auxiliá-lo a alimentar-se;
  • cuidar da limpeza e da ordem dos materiais e dos equipamentos;
  • incorporar a equipe de saúde;
  • participar de atividades de educação em saúde;
  • orientar os pacientes na pré e pós-consulta;
  • auxiliar o enfermeiro e o técnico de enfermagem na execução dos programas para a saúde;
  • executar os trabalhos de rotina vinculados à alta de pacientes;

Não é difícil perceber que essas atividades são de cuidados básicos para garantir a saúde e o bem-estar dos pacientes.

Uma diferença essencial entre essa função e a da pessoa técnica em enfermagem é a remuneração. Nesse caso, a média salarial gira em torno de R$ 1.615*.

Técnico em Enfermagem

O profissional técnico recebe essa titulação ao concluir o curso técnico em Enfermagem, e diferentemente do auxiliar, apresenta maiores responsabilidades em seu trabalho. Afinal, sua formação acaba sendo mais complexa, por apresentar conteúdos mais aprofundados.

Para ser técnico em Enfermagem, é obrigatório concluir o curso técnico, que dura 2 anos e precisa ser reconhecido pelo COREN. Porém, para ingressar, é necessário concluir o ensino médio, além de ser necessário ter registro no Conselho Regional de Enfermagem.

Seu dia a dia incluir auxiliar no cuidado dos casos mais complexos, como:

  • proporcionar a saúde e o bem-estar dos pacientes;
  • administrar medicamentos;
  • realizar curativos;
  • prestar primeiros socorros;
  • preparar pacientes para exames;
  • higienizar e esterilizar equipamentos cirúrgicos;
  • aferir sinais vitais;
  • dar banho de leito;
  • preparar relatórios técnicos;
  • coletar materiais para exames;
  • realizar tratamentos prescritos.

Como as atividades são mais complexas e com maior responsabilidade, a média da remuneração também costuma ser maior que a de auxiliar de enfermagem, embora estejam bem próximas: R$ 1.822*.

Mesmo que o técnico em Enfermagem possua uma titulação que atribua mais responsabilidades em suas funções, ainda existe uma grande diferença entre ele e o profissional enfermeiro, com diploma de Bacharelado em Enfermagem, como poderá ver a seguir.

Qual é o objetivo da graduação em Enfermagem?

O curso de Enfermagem tem como objetivo formar profissionais para atuarem na área da saúde, seja no cuidado dos pacientes, seja com a gestão de equipes de saúde, seja em trabalhos administrativos nas unidades de saúde públicas ou privadas.

A graduação tem maior duração por abordar detalhadamente os conteúdos de cada disciplina, garantindo um ensino mais completo. Dessa maneira, a formação do profissional terá como base um conteúdo mais abrangente e conhecimento mais aprofundado.

Em sua rotina de trabalho, destacam-se as seguintes demandas:

  • autonomia e poder de decisão em situação de emergência;
  • cuidado e monitoramento de pacientes em situação crítica;
  • gestão de pessoas que trabalham nas equipes de enfermagem e supervisão de suas tarefas;
  • observação, análise e avaliação da evolução do quadro clínico dos pacientes;
  • organização e manutenção da rotina do departamento.

Devido a essas e outras atribuições do enfermeiro, o salário é bastante atrativo, variando entre R$ 3.542* e R$ 4.651*.

Qual é a duração da faculdade de Enfermagem?

O curso superior de Enfermagem tem duração de 4 anos, ou seja, 8 semestres, cuja duração contribui para que o aprendizado seja profundo e de qualidade.

Quais são as principais matérias de Enfermagem?

A grade curricular da faculdade de Enfermagem abrange, além das disciplinas necessárias para a construção de uma grande carreira na área da saúde, matérias que preparam você para um mercado atualizado e competitivo.

Disciplinas como Design Thinking e Empreendedorismo formam a base para você se profissionalizar e mandar bem na carreira independentemente do caminho que escolher traçar.

Portanto, veja as principais matérias que vai estudar nesse Bacharelado:

  • Atividades Complementares;
  • Bioética e Legislação em Enfermagem;
  • Bioquímica Aplicada à Saúde;
  • Ciên. Morfofuncionais dos Sistemas Digestório, Endócrino e Renal;
  • Ciên. Morfofuncionais dos Sistemas Imune e Hematológico;
  • Ciên. Morfofuncionais dos Sistemas Nervoso e Cardiorrespiratório;
  • Ciên. Morfofuncionais dos Sistemas Tegumentar, Locomotor e Reprodutor;
  • Didática Aplicada à Enfermagem;
  • Ed – Construindo uma Carreira de Sucesso – Saúde;
  • Ed – Cultura Digital;
  • Ed – Desenvolvimento de Carreira;
  • Ed – Design Thinking;
  • Ed – Empreendedorismo;
  • Ed – Empregabilidade;
  • Ed – Marketing Digital;
  • Ed – Mindset Ágil;
  • Ed – Projeto de Vida;
  • Ed – Responsabilidade Social;
  • Enfermagem em Centro Cirúrgico;
  • Enfermagem na Saúde da Criança e do Adolescente;
  • Enfermagem na Saúde da Mulher;
  • Enfermagem na Saúde do Adulto;
  • Enfermagem na Saúde do Idoso;
  • Enfermagem, Ciência e Trabalho;
  • Estágio Supervisionado – Hospitalar;
  • Estratégia da Saúde da Família;
  • Farmacologia dos Sistemas;
  • Fundamentos Semiológicos de Enfermagem;
  • Fundamentos Técnicos de Enfermagem;
  • Gestão em Saúde;
  • Gestão, Qualidade e Segurança do Paciente;
  • Intensivismo;
  • Introdução à Biologia Celular e do Desenvolvimento;
  • Microbiologia;
  • Optativa I;
  • Optativa II;
  • Pensamento Científico;
  • Processo de Cuidar em Enfermagem;
  • Psicologia Aplicada à Saúde;
  • Saúde do Trabalhador;
  • Saúde Mental;
  • Saúde Pública;
  • Seminário Integrador da Saúde do Adulto;
  • Seminário Integrador na Saúde da Criança;
  • Seminário Integrador na Saúde da Mulher;
  • Sistematização da Assistência de Enfermagem;
  • Sociedade Brasileira e Cidadania;
  • Tópicos Especiais em Enfermagem;
  • Trabalho de Conclusão de Curso I;
  • Trabalho de Conclusão de Curso II;
  • Urgência e Emergência em Enfermagem.

Em que modalidades o curso de Enfermagem é oferecido?

A faculdade Anhanguera oferece a graduação de Enfermagem na modalidade presencial e semipresencial — também chamada de ensino híbrido — que mistura as principais características do EAD com o presencial.

O curso de Enfermagem EAD exige uma grande carga horária de aulas presenciais, para que isso seja cumprido são realizados encontros com atividades em laboratórios — onde é possível interagir com os professores e com os demais alunos da turma.

Além disso, também é exigido que os alunos realizem trabalhos em grupo e façam atividades para seminários — tudo isso com o auxílio de um tutor especialista no ramo.

Já as aulas teóricas acontecem de forma online. Nelas, o aluno terá muita flexibilidade e liberdade para acompanhar os conteúdos, pois, por acontecer de forma remota, o aluno poderá assistir quando e onde preferir.

Isso porque, ao ingressar no ensino EAD, a interação do aluno com o curso acontece por meio de um Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA). Ele fornece todas as informações essenciais para a sua vida acadêmica como disciplinas e conteúdos, atividades de interação como fóruns, acesso a biblioteca digital, ambiente de interação com os tutores e professores para tirar dúvidas.

Essa modalidade de ensino facilita a vida de quem precisa cuidar dos filhos, trabalhar ou realizar outras demandas. Logo, você tem toda a autonomia e flexibilidade para cursar a graduação, podendo caminhar no seu ritmo.

Quem define a carga horária exata de cada disciplina é o MEC (Ministério da Educação), considerando suas diretrizes e necessidades do curso. 

Portanto, você até pode considerar que vai fazer o curso de Enfermagem EAD, mas saiba que terá encontros presenciais para praticar nos laboratórios.

Vale lembrar que o diploma de Enfermagem obtido a distância também é registrado e, para o mercado de trabalho, apresenta o mesmo valor que o curso de Enfermagem na opção presencial. Ou seja, enfermeiros em uma seleção de emprego não são desfavorecidos por terem realizado a graduação de maneira online.

Quanto custa a faculdade de Enfermagem?

O valor do curso de Enfermagem na Anhanguera segue a base de R$ 479,00*. No entanto, pode variar devido a vários fatores, como unidade e turno, bem como o auxílio de programa de bolsas e descontos oferecidos pela faculdade.

Confira algumas possibilidades:

  • bolsa incentivo — deve ser solicitada no ato da inscrição do vestibular para facilitar o ingresso dos calouros que querem iniciar o ensino superior, mas não têm condições financeiras de fazer isso no início do semestre;
  • bolsa primeiro semestre — concede aos calouros desconto sobre os valores da mensalidade durante todo o primeiro semestre da graduação em qualquer modalidade;
  • desconto pontualidade — para todos os alunos que realizam o pagamento da mensalidade via boleto ou cartão de crédito até o 5.º dia útil do mês vigente.

Como está o mercado de Enfermagem no Brasil?

O profissional da saúde no Brasil tem muito reconhecimento, pois, a cada ano, é demandada a entrada de profissionais como médicos e enfermeiros no mercado. Afinal, saúde é uma das seções essenciais para a sociedade.

É comum que pessoas que querem se tornar profissionais da Enfermagem prefiram se especializar em cursos de auxiliar ou técnico, pois o tempo de conclusão e o valor do curso é menor. Porém, por serem cursos que proporcionam o aprendizado prático, estes profissionais acabam limitando seu ambiente de atuação, estando resumido a hospitais e a clínicas.

Já aquelas pessoas que cursam a graduação e são bacharéis em Enfermagem expandem sua área de atuação, já que o curso tem maior duração. Ele possibilita obter conhecimentos mais aprofundados e complexos, abordando inclusive temas de gestão de pessoas.

Para ser mais específico, veja quais são as necessidades do mercado com relação ao profissional da Enfermagem.

Capacidade em agir nos momentos de crise

O enfermeiro é responsável pelo cuidado das pessoas e pela garantia de sua qualidade de vida enquanto enfermos, principalmente de pacientes que estão em estado grave ou terminal.

Mas, dependendo do cargo pelo qual foi contratado, suas tarefas também podem estar ligadas à gestão e à supervisão de técnicos e auxiliares, sendo necessário que ele cuide dos profissionais de sua equipe. Ou seja, em vez de se dedicar ao paciente, ele gerencia as equipes que fazem esse trabalho.

Educação

Outra possibilidade de atuação que o enfermeiro ou a enfermeira pode encontrar no mercado de trabalho está ligado à educação, podendo ser na orientação à saúde da mulher, à hipertensão e ao diabetes em postos de saúde. Também pode atuar em cursos que formam novos auxiliares, técnicos e enfermeiros desde que faça uma Pós-Graduação em Docência no ensino superior ou especialização na área.

Orientação

Em centros cirúrgicos, o enfermeiro pode trabalhar orientando o paciente no pré e no pós-cirúrgico, informando como será o procedimento, como deve ser sua alimentação, como serão os efeitos da anestesia e os cuidados que deve tomar na recuperação. 

Sobretudo durante a pandemia causada pelo COVID-19, aumentou a necessidade desse profissional em diversos contextos e foram reforçadas as amplas possibilidades em que ele pode atuar com o diploma de ensino superior.

Áreas de atuação em alta

Profissionais de Enfermagem que concluíram o curso de Bacharelado têm possibilidade de escolher diversos cursos de especialização em que desejam atuar, da mesma forma que na Medicina — podendo inclusive ser nos mesmos segmentos. São eles:

  • Enfermagem Dermatológica;
  • Home Care;
  • UTI (Unidade de Terapia Intensiva);
  • Enfermagem Oncológica;
  • Enfermagem do Trabalho;
  • Infectologia;
  • Neonatal.

Possibilidade de liderar uma equipe

Como já falamos antes, o profissional de Enfermagem tem como possibilidade atuar na gestão e na liderança de equipes.

A necessidade por profissionais qualificados e eficazes na liderança de equipes vai além do pessoal de Enfermagem dos hospitais nas Unidades Básicas de Saúde (UBS). Esse profissional também tem a possibilidade de liderar equipes formadas por dentistas, farmacêuticos, terapeutas, psicólogos, nutricionistas, assistentes sociais e médicos.

O enfermeiro ou enfermeira poderá fazer o controle e relatórios, alimentar o sistema de dados do Ministério da Saúde e cuidar do gerenciamento dos postos de saúde — e o mercado necessita de profissionais com habilidades em liderança e conexão com tecnologia.

Quais são as tendências para Enfermagem?

É impossível negar que o profissional que escolhe trabalhar com a Enfermagem possui grande flexibilidade de atuação, uma vez que as tendências do mercado aproximaram esta profissão de outras de sucesso. Isso proporcionou excelentes remunerações e o fim da visão de que o enfermeiro ou a enfermeira só pode trabalhar em clínicas e em hospitais. Veja algumas opções:

  • Enfermagem Estética;
  • Enfermagem Geral;
  • Enfermagem Obstétrica;
  • Enfermagem em UTI;
  • Enfermagem da Estratégia de Saúde da Família;
  • Enfermagem Home Care;
  • Enfermagem Clínico-Cirúrgica.

Quais são as principais atuações em Enfermagem?

Diferentemente do que todo mundo imagina, o profissional formado em Enfermagem apresenta diversas possibilidades de atuação, seja dentro das diversas áreas da saúde de que um hospital necessita ou seja fora dele.

Confira a perspectiva sobre os ambientes de trabalho nos quais esse profissional pode atuar!

Atendimento pré-hospitalar

O atendimento pré-hospitalar é feito nas ocorrências atendidas por ambulâncias e pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Nesses casos, é obrigatório que seja feito por um enfermeiro.

Quem tem habilidades para trabalhar com triagem e sob pressão, urgência e emergência, poderá encontrar nessa área a carreira profissional perfeita para o seu perfil.

Empresas

Grandes organizações que prezam pela saúde e a integridade física do colaborador — por atuar em ramos nos quais as atividades são perigosas e seus colaboradores correm o risco de se ferirem — podem contar com o profissional da Enfermagem. Ele atua na área de segurança do trabalho junto aos Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT).

Dessa forma, o profissional terá como atividades os primeiros socorros em casos de emergência, no cuidado com a saúde do colaborador, na prevenção de acidentes de trabalho e patologias ocupacionais.

Docência

O profissional bacharel em Enfermagem também pode se tornar professor em cursos da saúde ou até mesmo coordenar um: como comentamos, basta buscar se especializar em cursos lato ou stricto sensu na área da saúde ou em docência no ensino superior.

Área pública

Outra oportunidade de trabalho para o enfermeiro ou a enfermeira é o setor público. Sendo aprovado em um concurso, o profissional poderá atuar em setores governamentais, como hospitais e clínicas geridas pelo Estado ou Município de sua preferência, ou até mesmo na gestão de órgãos públicos relacionados à saúde.

Como ingressar no mercado de Enfermagem?

O mercado de trabalho busca profissionais qualificados que, além de terem bons conhecimentos técnicos, também tenham excelentes habilidades cognitivas e comportamentais.

Assim, se você se identifica com a área da saúde, o primeiro passo para ingressar nele é saber quais características e habilidades que um estudante de Enfermagem deve desenvolver.

Mas fique tranquilo: não será necessário fazer um curso específico para isso. A própria graduação em Enfermagem permite que o estudante desenvolva as principais habilidades necessárias — como o interesse pelos estudos, proatividade, senso de empatia, inteligência emocional, habilidade com o trabalho em equipe, boa comunicação e sabedoria em liderar. 

O segundo passo é encontrar uma boa instituição de ensino, que tenha uma excelente infraestrutura e uma ótima qualidade de estudo.

Normalmente, pessoas interessadas por esse curso buscam universidades públicas por serem gratuitas e terem reconhecimento no mercado. Entretanto, por oferecerem diversos benefícios, muitas pessoas também desejam aproveitá-los, gerando altíssimos níveis de concorrência.

Isso pode impactar diretamente no seu ingresso ao ensino superior, no tempo para conseguir o seu diploma e o seu bolso. Afinal, é possível que você não seja aprovado na primeira tentativa, sendo necessário meses de preparação para o vestibular. Sem contar gastos com cursinhos, afastando você da conclusão do curso e da conquista do diploma.

Uma ótima alternativa para isso é incluir em sua pesquisa faculdades privadas, pois elas oferecem unidades de ensino por todo o Brasil.

Como se matricular na faculdade de Enfermagem? 

O primeiro passo para se matricular no curso de Enfermagem é realizar o vestibular para Enfermagem.

Além de a Anhanguera pensar no seu bolso, oferecendo as bolsas e os descontos citados no decorrer do texto, as formas de ingresso para estudar na instituição também são flexíveis. Por isso, é possível escolher entre 5 alternativas:

  • nota do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio);
  • processo seletivo para os pré-selecionados pelo Prouni e FIES;
  • transferência externa;
  • vestibular online;
  • vestibular tradicional.

Eles funcionam da seguinte forma:

  • nota do Enem — se você fez no mínimo 200 pontos na prova do Enem, da edição de 2010 em diante, pode solicitar a matrícula por meio da nota no site da Anhanguera;
  • processo seletivo para os pré-selecionados pelo Prouni e FIES — deve ser solicitado no portal da Anhanguera próprio para isso;
  • transferência externa — se você já começou a estudar, mas gostou do que viu aqui e quer mudar de faculdade, entre em contato com o polo de interesse;
  • vestibular online — o processo é realizado integralmente online;
  • vestibular tradicional — você agenda um dia e um horário no polo de interesse e vai até o local na data escolhida para fazer uma redação.

Só falta você aqui na Anhanguera!

O curso superior de Enfermagem é uma possibilidade real. Com tantas oportunidades de bolsas e de descontos, bem como formatos de vestibular, você certamente vai encontrar uma opção que atenda às suas necessidades.

Aproveite que a inscrição é online e dê o pontapé inicial agora mesmo! Inscreva-se no vestibular online da Anhanguera!

*Valor sujeito a alteração

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.5 / 5. Número de votos: 363

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registered successfully
Oops! Invalid email, please check if the email is correct.
Oops! Invalid captcha, please check if the captcha is correct.