Matérias de Letras: veja a grade curricular do curso

Moça lendo livro em biblioteca

Conhecer as matérias de Letras é fundamental para quem quer compreender a linguagem e a comunicação humana. Nelas, os estudantes aprendem tudo sobre gramática, literaturas e a história da língua portuguesa. Além disso, quem escolhe Letras com foco em Português e um Idioma Estrangeiro ganha habilidades práticas para ensinar, traduzir e editar textos.

Cada semestre do curso de Letras é um novo capítulo na compreensão da linguagem como uma ferramenta poderosa e transformadora, seja no ambiente acadêmico, seja no mundo editorial em constante expansão. Dessa forma, os alunos adquirem uma bagagem teórica e a experiência prática indispensável para diversas áreas profissionais.

Neste artigo, convidamos Raphael Alves, bacharel em Letras e redator freelancer, para compartilhar alguns insights valiosos sobre esse curso. Vamos lá?

O que se aprende em Letras?

No curso de Letras, estuda-se uma ampla gama de disciplinas focadas principalmente em línguas, literaturas e culturas. 

Os alunos exploram a estrutura, o uso e a história das línguas, incluindo gramática, fonética e semântica. Além disso, há um forte enfoque no estudo de literaturas nacionais e estrangeiras, abrangendo análise literária, teoria literária e história da literatura.

O curso também pode incluir o estudo de culturas associadas às línguas estudadas, linguística aplicada, tradução e ensino de línguas. Dependendo da instituição, pode haver opções para se especializar em português e uma língua específica (como inglês e espanhol), literatura, linguística ou tradução.

Professora ensinando fonética para estudantes
Fonética é um dos conteúdos que se aprende no curso

Como é a grade curricular de Letras por semestre?

A grade curricular do curso de Letras é estruturada para fornecer uma formação abrangente em linguística, literatura e métodos de ensino. No primeiro período letivo, os alunos conhecem os fundamentos da linguística e a história da língua.

À medida que avançam, exploram literaturas em português e idioma estrangeiro, como inglês, metodologias de ensino e práticas educativas.

Cada semestre ajuda na construção de habilidades críticas e conhecimento para formar profissionais da linguagem competentes. Conheça as principais matérias de Letras:

  • Arte e Literatura
  • Atividade Complementar
  • Didática
  • Ciência, Tecnologia e Sociedade
  • Construindo uma Carreira de Sucesso – Licenciaturas
  • Cultura Digital
  • Design Thinking
  • Empreendedorismo
  • Mindset Ágil
  • Práticas de Estudo – Competências Socioemocionais
  • Projeto de Vida
  • Educação a Distância
  • Educação e Diversidade
  • Educação Inclusiva
  • Escrita Criativa
  • Estágio Curricular Obrigatório I
  • Estágio Curricular Obrigatório II
  • Estágio Curricular Obrigatório III
  • Estágio Curricular Obrigatório IV
  • Fonética e Fonologia da Língua Portuguesa
  • Funcionamento da Educação Brasileira e Políticas Públicas
  • Fundamentos da Educação
  • Fundamentos da Linguística
  • História da Língua Portuguesa
  • Inovação Educacional
  • Leitura de Textos Artístico-Literários
  • Leitura e Tradução em Língua Inglesa
  • Libras – Língua Brasileira de Sinais
  • Linguagens e suas Tecnologias
  • Linguística Textual
  • Literatura Brasileira e Portuguesa I
  • Literatura Brasileira e Portuguesa II
  • Literatura Brasileira e Portuguesa III
  • Literaturas de Língua Inglesa I
  • Literaturas de Língua Inglesa II
  • Metodologias do Ensino De Língua Portuguesa E Literatura
  • Metodologias do Ensino De Línguas Estrangeiras
  • Morfologia da Língua Portuguesa
  • Morfossintaxe da Língua Inglesa
  • Oralidade em Língua Inglesa
  • Pensamento Científico
  • Práticas Educativas em Espaços não Escolares
  • Produção e Análise de Material Didático
  • Produção Escrita em Língua Inglesa
  • Profissionalização Docente
  • Projeto de Ensino
  • Psicologia da Educação e da Aprendizagem
  • Semântica da Língua Portuguesa
  • Sintaxe da Língua Portuguesa
  • Sociedade Brasileira e Cidadania
  • Teoria da Literatura
Rapaz com livros e cadernos em cima de mesa em biblioteca
“Teoria da Literatura” é uma das matérias do curso

Raphael fala sobre o impacto de diferentes disciplinas do curso de Letras na sua atuação profissional:

 “Acredito que a conexão entre a grade curricular de um curso e as possibilidades de atuação no mercado de trabalho pode variar dependendo da área de escolha do profissional após a graduação. No meu caso, essa conexão foi clara e impactante. Trabalhando como revisor e redator freelancer, percebo que as matérias que mais me estimularam a escrever e aprimorar minha leitura crítica de textos tiveram um impacto claro. As disciplinas que tratavam de aspectos gramaticais da língua portuguesa, como semântica e sintaxe, me proporcionaram um conhecimento valioso que aplico diariamente em meu trabalho. Elas me ajudaram a aprimorar a qualidade dos textos que reviso e escrevo”, ressalta Raphael.

E, para quem tem interesse na docência, Raphael ressalta a importância das disciplinas ligadas à profissão docente:

“Acho importante ressaltar que os estudantes de Letras que desejam ingressar no mercado de trabalho na área de ensino também vão se beneficiar principalmente de disciplinas relacionadas à metodologia de ensino e didática, já que essas matérias fornecem ao aluno um conhecimento prático indispensável para a docência”, destaca Raphael.

Quais são as 10 matérias mais importantes no curso de Letras? 

As matérias mais importantes do curso são: Fundamentos da Linguística, Literatura Brasileira e Portuguesa, Didática, Fonética e Fonologia da Língua Portuguesa, Educação Inclusiva, Escrita Criativa, Metodologias do Ensino de Língua Portuguesa e Literatura, Teoria da Literatura, Educação e Diversidade e Libras.

Segundo Raphael:

“As matérias teóricas no curso de Letras são super importantes, porque elas fornecem uma base sólida e uma visão completa do que podemos fazer quando terminamos a graduação. Boa parte da grade curricular de Letras é composta por essas matérias. Elas cobrem muitas áreas que um profissional de Letras pode seguir.

Por exemplo, temos matérias sobre como ensinar, o que é muito importante se você quer ser professor de português ou literatura. Essas matérias ajudam a entender como transmitir conhecimento aos alunos na sala de aula”.

Saiba mais sobre cada uma das matérias de Letras mais importantes!

1. Fundamentos da Linguística

O que se aprende

Nessa disciplina, os alunos são introduzidos aos conceitos básicos da linguística, que é o estudo científico da linguagem. Ela explora como as línguas são formadas, como funcionam, como são usadas e como evoluem ao longo do tempo.

A linguística abrange vários subcampos, cada um focado em diferentes aspectos da linguagem. Exemplos são:

  • sociolinguística, que estuda a relação entre linguagem e sociedade;
  • psicolinguística, que explora como a linguagem é processada e adquirida pelo cérebro humano;
  • linguística aplicada, que envolve a aplicação de conhecimentos linguísticos em áreas práticas, como o ensino de línguas e a tradução.

Como é ensinada

O ensino é estruturado por meio de leituras críticas, seminários analíticos e exercícios de aplicação teórica. O seu foco está na assimilação de teorias linguísticas e na capacidade de análise e interpretação de dados linguísticos.

Dicas para aprender

O aluno pode utilizar bases de dados linguísticos e participar de fóruns especializados para aprofundar os seus conhecimentos teóricos. Afinal, a interação com diversas comunidades acadêmicas e a prática constante de análise linguística são fundamentais para a internalização dos conceitos.

Relevância no mercado de trabalho

Esta disciplina é fundamental para entender como a linguagem funciona como um sistema e como é usada na comunicação. Ela fornece as bases teóricas e analíticas para futuros estudos em áreas específicas da linguagem, literatura, ensino de línguas e tradução. 

Professora de francês em frente a quadro branco
Fundamentos da Linguística é importante para quem vai trabalhar com o ensino de idiomas

2. Literatura Brasileira e Portuguesa

O que se aprende

Na disciplina de Literatura Brasileira e Portuguesa, os alunos têm a oportunidade de explorar as principais narrativas e poéticas da literatura em língua portuguesa, focando em autores e obras que ilustram a evolução cultural e linguística do mundo lusófono.

Exemplos incluem a análise das complexas narrativas de Machado de Assis e a poesia diversificada de Carlos Drummond de Andrade, no Brasil. De Portugal, podem ser exploradas as obras de José Saramago, que mesclam realismo mágico e crítica social, e a poesia multifacetada de Fernando Pessoa.

Além disso, a literatura de países lusófonos como Angola, Moçambique e Cabo Verde, representada por autores como Pepetela, Mia Couto e Germano Almeida (respectivamente), também pode ser incluída para proporcionar uma compreensão mais ampla da variedade e riqueza da expressão literária na comunidade de língua portuguesa.

“A literatura é uma parte importante do curso, pois nos conecta com a riqueza da cultura literária do Brasil e de outros países. As matérias de crítica literária e teoria nos ajudam a entender a história, a sociedade e até mesmo a nós mesmos”, destaca Raphael. 

Como é ensinada

A abordagem didática envolve a análise interpretativa de obras literárias, promovendo debates reflexivos e críticos em sala de aula. A metodologia incentiva a compreensão profunda dos movimentos literários importantes da língua portuguesa e o desenvolvimento de pensamento crítico.

Dicas para aprender

O aluno pode ampliar o seu repertório literário ao ler livros de maneira extensiva e participar ativamente de discussões literárias. Isso pode ser feito tanto em ambientes acadêmicos quanto em clubes de leitura, para fomentar a apreciação crítica.

Relevância no mercado de trabalho

O domínio da literatura brasileira e portuguesa é essencial para profissionais que buscam atuar como analistas literários, docentes no ensino de literatura e autores. Esses conhecimentos os capacitam a interpretar e a produzir textos com maior profundidade crítica e estética.

3. Didática

O que se aprende

Essa disciplina é um pilar na formação de educadores. Ela dá ênfase em estratégias de ensino e abordagens pedagógicas que visam otimizar o processo de aprendizagem.

Na disciplina de Didática, os alunos estudam tópicos como:

  • teorias de aprendizagem, que abrangem desde abordagens comportamentais até construtivistas;
  • métodos de ensino, explorando técnicas variadas para diferentes estilos de aprendizagem;
  • planejamento de aulas, focando na definição de objetivos e organização de atividades pedagógicas;
  • avaliação educacional, que trata das formas de medir o progresso dos alunos; uso de tecnologia na educação, integrando ferramentas digitais ao ensino;
  • e pedagogia inclusiva, enfatizando a criação de ambientes de aprendizagem que atendam a todas as necessidades educacionais.

Como é ensinada

O ensino da disciplina é realizado por meio de oficinas práticas, análise de planos de aula, discussões em grupo, simulações de ensino (chamadas de “prova de aula”) e análise de casos reais em ambientes educativos.

Dicas para aprender

Para dominar a Didática, o aluno deve se engajar em atividades práticas regulares, refletir sobre as experiências de ensino e buscar feedback construtivo.

Relevância no mercado de trabalho

Essa matéria é a base para profissionais da educação. Isso porque fornece as competências essenciais para a criação de ambientes de aprendizagem eficazes e a condução de aulas que estimulem o engajamento e a compreensão dos alunos.

Professora e menina vendo globo terrestre
O foco de Didática é otimizar o aprendizado

4. Fonética e Fonologia da Língua Portuguesa

O que se aprende

Fonética e Fonologia da Língua Portuguesa, os alunos adquirem um entendimento detalhado dos sons da fala, uma habilidade crucial para especialistas em linguagem.

O foco é na estrutura sonora do português, abrangendo a análise da produção, percepção e características fonéticas dos sons da língua, bem como o estudo de como esses sons são organizados em padrões fonológicos, incluindo aspectos como acentuação, entonação e ritmo.

Como é ensinada

A matéria é ministrada por meio de atividades práticas que incluem a transcrição fonética e a análise dos sons. Ela permite que os alunos tenham uma compreensão prática e teórica dos conceitos fonológicos.

Dicas para aprender

Para aprofundar o conhecimento nessa matéria de Letras, o estudante deve usar softwares especializados. Além disso, a prática constante de transcrição de diferentes registros da fala e os estudos comparativos entre variedades linguísticas é essencial.

Relevância no mercado de trabalho

O conhecimento em Fonética e Fonologia é extremamente relevante no mercado de trabalho, especialmente para profissionais envolvidos com a linguagem, como professores de línguas e linguistas.

Com um entendimento profundo dos sons da fala e de como eles são produzidos, os professores estão mais bem-equipados para ensinar a pronúncia correta aos alunos. Eles podem explicar detalhadamente como os sons são formados, incluindo a posição da língua, o uso do aparelho fonador e o fluxo de ar, facilitando assim o aprendizado correto da pronúncia.

Além disso, ao compreender a mecânica da produção dos sons, os professores podem identificar mais facilmente as dificuldades de pronúncia dos alunos e oferecer estratégias específicas para corrigi-las. Isso é bem útil no ensino de línguas estrangeiras, quando os alunos muitas vezes enfrentam desafios ao tentar produzir sons que não existem em sua língua materna.

5. Educação Inclusiva

O que se aprende

Esse é um conteúdo do curso de Letras que ensina os futuros letrólogos a criar estratégias pedagógicas para atender à diversidade de alunos. Com esse conhecimento, os profissionais poderão assegurar que cada um tenha oportunidades iguais no processo educativo.

Isso inclui:

  • adaptação do ensino para alunos com deficiências físicas, sensoriais, intelectuais ou de aprendizagem, como dislexia;
  • implementação de métodos específicos para alunos com Transtornos do Espectro Autista (TEA) e aqueles com dificuldades de atenção e hiperatividade;
  • reconhecimento e acomodação de diferentes estilos de aprendizagem;
  • respeito e incorporação da diversidade cultural e linguística na sala de aula;
  • diferenciação do ensino para atender alunos com variados níveis de habilidade.
Professor em aula de culinária com aluno e aluna
A disciplina ensina a criar estratégias que atendam a diferentes alunos

Como é ensinada

A disciplina é abordada por meio do estudo de legislação vigente, análise de casos reais e aplicação de práticas inclusivas. Dessa forma, é possível preparar os futuros educadores para um ensino que respeite as diferenças.

Dicas para aprender

Para se aprofundar na Educação Inclusiva, os alunos devem participar de eventos e seminários especializados. Além disso, a interação com profissionais da área de educação especial para troca de experiências e conhecimentos é fundamental.

Relevância no mercado de trabalho

O conhecimento do conteúdo dessa disciplina é vital para profissionais da educação que buscam promover um ambiente de aprendizado que acolha todas as necessidades. Assim, é possível contribuir para uma sociedade mais justa e igualitária.

6. Escrita Criativa

O que se aprende

Essa é uma das matérias de Letras que tem o objetivo de desenvolver a capacidade de produzir textos originais e cativantes. Ela estimula a imaginação e a expressão individual dos futuros letrólogos.

Como é ensinada

A disciplina é ministrada por meio de oficinas práticas, análise de textos referenciais e construção de um portfólio pessoal. Durante as aulas, os alunos são incentivados a praticar constantemente a escrita criativa e fazer autoavaliações.

Dicas para aprender

Para aprimorar as habilidades de escrita, o aluno deve praticar diariamente. Também é importante explorar diversos estilos literários e participar de workshops para obter um feedback construtivo.

Relevância no mercado de trabalho

Dominar a escrita criativa é crucial para quem deseja atuar em campos que demandam inovação no uso da palavra como a literatura, o jornalismo, a publicidade, marketing digital, e outras áreas da comunicação.

7. Metodologias do Ensino de Língua Portuguesa e Literatura

O que se aprende

Os alunos do curso de Letras são introduzidos a estratégias didáticas voltadas para o ensino eficiente tanto da língua quanto da literatura. Essa matéria enfatiza a transmissão de conhecimento de maneira envolvente e interativa, utilizando métodos que vão além da memorização, incentivando o pensamento crítico e a análise. 

Essas estratégias incluem, por exemplo, a Abordagem Comunicativa, com foco no uso prático da língua, com atividades como simulações e jogos de papéis para aprimorar a comunicação em situações reais.

Além disso, a Aprendizagem Baseada em Projetos é destacada por sua capacidade de integrar habilidades linguísticas e literárias em contextos práticos, como a criação de jornais, blogs ou peças teatrais, proporcionando uma experiência de aprendizado dinâmica e aplicada. 

Professor em aula de teatro com crianças
Teatro é uma das práticas da abordagem da Aprendizagem Baseada em Projetos

Como é ensinada

O conteúdo é transmitido por meio de simulações de aula, elaboração de planos de aula e análise crítica de materiais pedagógicos. Assim, os professores conseguem proporcionar uma experiência prática e reflexiva aos alunos.

Dicas para aprender

Para dominar a matéria, o graduando deve utilizar recursos educacionais inovadores. Além disso, é importante fazer uma imersão em experiências de ensino reais, como estágios supervisionados em ambientes educacionais.

“No caso do curso de licenciatura, as principais matérias práticas são, sem sombra de dúvidas, os estágios curriculares obrigatórios. Esses estágios dão a oportunidade de vivenciar uma sala de aula real, uma experiência prática inestimável para futuros professores, pois os coloca em situações reais de ensino, ajudando-os a desenvolver habilidades como a capacidade de gerir a classe, criar planos de aula e lidar com as diversidades da sala” destaca Raphael.

Relevância no mercado de trabalho

O domínio dessas metodologias é essencial para educadores que visam excelência no ensino de português e literatura. Por meio desse conhecimento, eles conseguem se preparar para enfrentar os desafios contemporâneos da educação.

8. Teoria da Literatura

O que se aprende

Essa disciplina oferece aborda as diversas correntes da teoria literária. Ela capacita o aluno a compreender e aplicar conceitos críticos na análise de obras literárias, além de preparar para Literatura Comparada.

Por exemplo, eles podem estudar o Formalismo Russo, que se concentra na estrutura e na forma da literatura, desconsiderando o contexto social e histórico, ou o Estruturalismo, que analisa a literatura através de sua linguagem e sistemas subjacentes. 

Como é ensinada

A matéria é ministrada por meio de um estudo intensivo de textos teóricos fundamentais. Além disso, são realizadas análises em obras literárias, fomentando habilidades de interpretação e crítica.

Dicas para aprender

Para se aprofundar nessa matéria de Letras, o estudante pode fazer a leitura de textos canônicos da crítica literária. Também não deixe de realizar a prática constante de redação de ensaios que explorem as teorias estudadas.

Relevância no mercado de trabalho

O conhecimento adquirido é crucial para profissionais que buscam atuar no campo da crítica literária, pesquisa acadêmica e no mercado editorial. Afinal, nessas áreas, a análise aprofundada de textos é fundamental.

9. Educação e Diversidade

O que se aprende

Nessa disciplina, os estudantes aprendem sobre a diversidade cultural e seu impacto significativo no contexto educacional. Com isso, conseguem se preparar para criar ambientes de aprendizagem inclusivos.

Como é ensinada

A disciplina é conduzida por meio de debates enriquecedores, pesquisa aplicada e desenvolvimento de projetos que refletem a realidade multicultural das comunidades.

Professora e aluna fazendo anotações em caderneta
O objetivo da matéria é o entendimento do contexto multicultural das comunidades

Dicas para aprender

Para dominar os conceitos dessa matéria de Letras, os futuros letrólogos devem participar ativamente de iniciativas de educação intercultural e se envolver com grupos sociais diversos.

Relevância no mercado de trabalho

O domínio desse conhecimento é vital para educadores que visam promover a inclusão. Ele também é válido para profissionais de recursos humanos comprometidos com a equidade no local de trabalho.

 10. Libras – Língua Brasileira de Sinais

O que se aprende

Libras é uma das matérias de Letras mais importantes, pois ensina a língua de sinais em si, incluindo sua gramática, vocabulário e nuances de expressão.

Além disso, os alunos são introduzidos à cultura e à história da comunidade surda, proporcionando um entendimento mais amplo sobre as experiências e desafios enfrentados por pessoas surdas. Isso inclui uma exploração das questões de identidade, direitos e inclusão social dos surdos. 

Como é ensinada

O ensino da língua de Libras é realizado por meio de estudo regular da língua, práticas intensivas e experiências de imersão. Dessa forma, os professores conseguem facilitar o aprendizado em um contexto real e dinâmico.

Dicas para aprender

Para se aprofundar na disciplina, o graduando deve praticar continuamente e participar de eventos e atividades que envolvam a comunidade surda. Assim, é possível ampliar a fluência e a compreensão cultural.

Relevância no mercado de trabalho

A proficiência em Libras é crucial para intérpretes, educadores e todos os profissionais envolvidos no suporte e na inclusão de pessoas surdas. Afinal, essa é uma habilidade altamente valorizada no mercado.

Há matérias optativas em Letras?

Sim, existem diversas matérias optativas que os alunos podem fazer no decorrer da graduação. O ideal é que sejam escolhidas aquelas mais alinhadas aos seus objetivos de carreira.

O que são matérias optativas de Letras?

Matérias optativas são disciplinas que os alunos podem escolher para complementar sua formação. Elas permitem a especialização em áreas de interesse específico em determinados conteúdos do curso de Letras.

Geralmente, é preciso cumprir um número de créditos obrigatórios de disciplinas optativas para obter o diploma de Letras.

Quais são as matérias optativas de Letras?

As matérias optativas em Letras variam conforme a instituição, mas, em geral, abordam desde estudos linguísticos avançados até literatura especializada e pedagogias inovadoras. Também há disciplinas voltadas ao uso de recursos tecnológicos, empreendedorismo e desenvolvimento de soft skills, como inteligência emocional.

Elas são projetadas para expandir o conhecimento e as habilidades dos estudantes além do currículo obrigatório. As aulas podem ser teóricas, como seminários e leituras dirigidas, ou práticas, como oficinas de escrita criativa e projetos de pesquisa em Letras.

Essas disciplinas oferecem ao aluno a chance de se aprofundar em diversos temas e têm o objetivo de enriquecer a experiência acadêmica e preparar os graduandos para diversas oportunidades profissionais — inclusive como empreendedores autônomos.

Jovens sentados no chão fazendo planejamento com folhas em projeto
As matérias optativas podem ser voltadas para conteúdos de empreendedorismo

Atividades complementares em Letras?

No universo acadêmico do curso de Letras, as atividades complementares desempenham um papel crucial na construção de uma carreira sólida e diversificada. Mas, afinal, o que são essas atividades e qual sua importância no contexto da graduação?

O que são atividades complementares de Letras?

As atividades complementares são experiências de aprendizado que ocorrem fora do currículo tradicional. Alguns exemplos são: a participação em workshops, conferências, projetos de extensão, projetos de pesquisa e práticas de ensino.

Elas são fundamentais para a formação do estudante. Isso porque promovem o desenvolvimento de habilidades práticas, a aplicação de conhecimentos teóricos e o contato com diferentes perspectivas dentro da área de estudos linguísticos e literários.

Essas atividades são valorizadas por proporcionarem uma visão mais ampla do campo de Letras. Além disso, ajudam a preparar os alunos para os desafios e as demandas do mercado de trabalho e da vida acadêmica.

Métodos e critérios de avaliação no curso de Letras?

Em geral, os métodos de avaliação em cursos de Letras incluem uma combinação de provas escritas, trabalhos de pesquisa, análises literárias, apresentações orais e participação em sala de aula.

E os critérios de avaliação costumam ser detalhados nos planos de ensino de cada disciplina, onde são estabelecidos os objetivos de aprendizado e as competências que os estudantes devem desenvolver.

Além disso, é comum que haja uma avaliação contínua do progresso do aluno, que pode incluir a assiduidade, o engajamento nas atividades propostas e a capacidade de aplicar teorias em contextos práticos.

Confira também: veja como funciona o curso de Pedagogia!

Play video Play video

Preparado para iniciar a sua jornada acadêmica?

Ao conhecer as diversas matérias de Letras, dá para entender como esse curso prepara os alunos para diversos caminhos profissionais. Eles podem se tornar professores, compartilhando conhecimentos em sala de aula, trabalhar em editoras, contribuindo para o mundo da publicação e da literatura, ou atuar como críticos literários, analisando e interpretando obras para um público mais amplo, entre diversas outras opções.

Afinal, com uma sólida formação que combina teoria e prática, os futuros letrólogos podem contribuir para uma sociedade mais desenvolvida. Porém, é importante estudar em uma instituição de ensino que tenha credibilidade e experiência no mercado: a Anhanguera.

Agora já conhece as principais disciplinas do curso e está ansioso para começar? Então não perca tempo e faça a sua inscrição no vestibular da Anhanguera agora mesmo!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Inscreva-se gratuitamente no vestibular online ou use sua nota do Enem para obter bolsas e descontos!

Artigos relacionados