Qual é o salário de Ciências Econômicas?

Ciências Econômicas salário

Você tem interesse no curso de Ciências Econômicas? Essa é uma graduação ideal para quem gosta de números e cálculos, é atento aos detalhes e se atualiza constantemente com as tendências de mercado. A boa notícia é que há bastante espaço para profissionais em setores públicos, no comércio, na indústria, bancos e financeiras, entre tantos outros.

Se gostou de saber disso, prepare-se para conhecer o salário de Ciências Econômicas. Ainda que essa não seja a melhor forma de escolher uma profissão, é importante conhecer quanto poderá ganhar ao se desenvolver como economista. E este é o conteúdo ideal para descobrir os valores para recém-formados, concursados e profissionais do país todo.

Vamos conferir quanto ganha um economista?

Qual é a média salarial para Ciências Econômicas?

O salário do economista é de R$ 6.173,37*, segundo dados do CAGED. Esse valor corresponde a uma jornada de trabalho de 42 horas semanais. Como podemos ver, o profissional tem bastante valorização, que pode ser notada por essa média de remunerações. Mas saiba que ela pode ser ainda maior.

Considere que certos momentos requerem maior investimento em alguns setores, como aconteceu com a Economia na pandemia. Para auxiliar nas políticas públicas de recuperação e a reerguer muitas empresas, o economista será fundamental. Então, prepare-se para se tornar o profissional que o mercado procura e, com isso, conquiste os salários mais atrativos!

Onde está a diferença entre os diferentes cargos e salários?

CargoMenor salárioSalário médioO que faz
Analista financeiroR$ 4.451,27R$ 4.672,32analisa dados financeiros das empresas, elabora relatórios de resultados, propõe soluções criativas e recomendações para melhorar o desempenho das empresas e reduzir custos
Consultor econômicoR$ 6.028,00R$ 8.663,00estuda as despesas, os investimentos e impostos das empresas, identifica oportunidades de aumentar os rendimentos, elabora planos para reduzir custos e propõe soluções financeiras no custo, médio e longo prazo
BancárioR$ 2.286,00R$ 3.000,00auxilia e tira dúvidas dos clientes de bancos, abre contas bancárias, soluciona problemas de saque, cartões e cheques e cumprimento de regras internas estabelecidas por órgãos reguladores
PesquisadorR$ 7.917,84R$ 8.311,05estudos sobre temas relacionados às Ciências Econômicas, com a possibilidade de também atuar como professor no ensino superior particular ou público
Corretor de segurosR$ 1.558,70R$ 1.636,11vende seguros em vários ramos (como saúde, automóveis e imóveis), oferece suporte aos clientes e esclarece os termos legais de contratos, precisa bater metas de vendas e estudar maneiras de captar novos clientes
Analista do mercado financeiroR$ 3.566,00 R$ 5.280,00orienta empresas e pessoas físicas a tomar decisões sobre os seus investimentos no mercado financeiro, produz relatórios, elabora previsões e estuda variáveis de cada investimento
Gerente administrativoR$ 2.009,00 R$ 2.844,00controla contas a pagar e a receber, acompanha o faturamento, supervisiona o fluxo de caixa, atua nos investimentos do patrimônio das empresas e ajuda a garantir regularidade nos impostos
AuditorR$ 4.514,26R$ 4.738,44verifica se todas as obrigações das empresas estão sendo cumpridas, das legislações até normas internas, identifica possíveis falhas e emite relatórios sobre os resultados das empresas.
Analista de comércio exteriorR$ 3.730,07R$ 3.915,30lida com transações comerciais internacionais, cuida da documentação fiscal de empresas que trabalham com mercado exterior, cria estratégias de expansão internacional e assessora investidores
ContadorR$ 4.183,54R$ 4.391,30cuida de questões financeiras e tributárias, lida com planilhas, avalia demonstrativos de resultados, verifica contas a pagar e a receber e garante o pagamento de guias de impostos

Conheça o salário para esse segmento em cada região do Brasil

Você sabia que a média salarial dos profissionais é diferente dependendo da cidade ou do Estado em que a vaga se encontra? Os motivos incluem o custo de vida da população, a necessidade de especialistas nas empresas locais, a quantidade de pessoas formadas disponíveis, e assim por diante.

Veja alguns exemplos:

  • Mato Grosso do Sul: R$ 4.331,90*;
  • Bahia: R$ 8.325,17*;
  • Goiás: R$ 7.182,88*;
  • Amazonas: R$ 7.411,89*;
  • Rio de Janeiro: R$ 7.745,22*;
  • Paraná: R$ 5.603,82*;
  • Distrito Federal: R$ 8.557,83*.

Quanto ganha um recém-formado em Ciências Econômicas?

No início da carreira, logo que você sai da faculdade, o salário de Ciências Econômicas fica em R$ 4.500,00*. Mesmo sendo mais baixo que a remuneração média da área, já é bem mais alto que outras categorias profissionais, concorda? Isso é reflexo da importância do economista para as empresas e a sociedade.

Com mais tempo de experiência, você ganha ainda mais, principalmente em empresas de grande porte. Veja alguns exemplos que listamos a seguir para 3 níveis profissionais de um plano de carreira.

Microempresas:

  • júnior: R$ 6.304,13*;
  • pleno: R$ 6.700,16*;
  • sênior: R$ 7.387,14*.

Pequenas empresas:

  • júnior: R$ 5.639,04*;
  • pleno: R$ 6.035,07*;
  • sênior: R$ 6.722,05*.

Médias empresas:

  • júnior: R$ 6.168,82*;
  • pleno: R$ 6.564,85*;
  • sênior: R$ 7.251,83*.

Grandes empresas:

  • júnior: R$ 7.351,71*;
  • pleno: R$ 7.747,74*;
  • sênior: R$ 8.434,71*.

Quais são os cargos melhores remunerados em Ciências Econômicas?

Um dos salários em Ciências Econômicas que mais se destacam é o de assessor econômico, que fica na média de R$ 17 mil*. Esse valor se justifica pela importância da contratação, que se dá quando uma empresa precisa de conhecimento e cautela nas tomadas de decisão.

Se você prefere a carreira acadêmica, saiba que a remuneração não será tão atrativa quanto a anterior, mas ainda assim vale a pena. Um pesquisador em Economia ganha R$ 7.836,31* em média, podendo chegar a R$ 24.082,38*. Promissor, concorda? O professor de universidades não fica muito para trás: ganha de R$ 7.401,53* a R$ 18.827,49*.

Outra possibilidade de atuação para um economista é a consultoria para empresas. São, geralmente, serviços pontuais, em momentos de prevenção de crises ou contenção de dados. Nesse cenário, o profissional ganha R$ 8.663,00*.

Há ainda a carreira de árbitro econômico, em que o salário médio é de R$ 6.173,37*. Inclusive, é um cargo que teve aumento de 23,61% no número de contratações em 2021 — o que mostra, novamente, a importância do profissional.

Quanto ganha um funcionário público em Ciências Econômicas?

A carreira pública oferece ao economista remunerações de R$ 8.987,01*, para trabalhar 40 horas na semana. Como podemos ver, é um excelente salário, aproximadamente 31% maior que a média no setor privado. Se você tem interesse, saiba que costumam ser concursos concorridos.

Prefeituras, Tribunais de Justiça e de Contas, órgãos de fornecimento de energia e agências reguladoras são apenas algumas possibilidades para procurar concursos. Tenha em mente que a preparação para esses exames deve se tornar uma prioridade desde antes de se formar. Por isso, monte um cronograma de estudos e foque a aprovação!

Como ganhar mais na carreira?

Essa carreira que faz parte das Ciências Exatas precisa de uma formação completa para destacar o profissional no mercado. É por isso que o primeiro passo está na escolha da instituição de ensino para concluir sua graduação. É ela que vai ajudar no desenvolvimento das técnicas e habilidades necessárias para uma atuação de sucesso.

A Anhanguera pode ajudar –– ainda que você esteja em dúvidas entre Ciências Contábeis e Ciências Econômicas ou Gestão Financeira e Ciências Econômicas. Todos esses cursos têm em comum os diferenciais exclusivos para a sua profissão, como:

  • Canal Conecta, portal que auxilia na empregabilidade mesmo antes da conquista do diploma. Além de vagas de emprego e estágio, ainda oferece conteúdos muito valiosos para o seu desenvolvimento;
  • Aula Destaque com profissionais de Gestão, para você ter ainda mais contato com os desafios do mercado;
  • Trilhas de Carreira que personalizam a sua graduação, agregando conhecimentos em habilidades muito valorizadas pelos empregadores.
YouTube video

Após conquistar seu diploma, investir em qualificação constante contribui para a ampliação de oportunidades e salários na área. Faça uma pós e cursos de Economia mais segmentados, participe de eventos, trabalhe seu networking e não perca a chance de mostrar seu valor para profissionais e empresas.

Seja um profissional de sucesso!

O salário de Ciências Econômicas pareceu interessante a você? Então, lembre-se de que o seu caminho fica mais tranquilo quando desenvolve seus diferenciais e aprimora o currículo. É dessa forma que se constrói uma carreira sólida, com constantes possibilidades de crescimento.

Ainda não se convenceu? Então, aproveite para baixar o infográfico e conferir as oportunidades que profissionais formados têm mais chances de conquistar!

*Sujeito a alterações

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 3.3 / 5. Número de votos: 10

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registered successfully
Oops! Invalid email, please check if the email is correct.
Oops! Invalid captcha, please check if the captcha is correct.