Tipos de empregos: quais são eles e como selecionar o ideal para você?

veja quais são os tipos de emprego

Com o tempo, os tipos de empregos passaram por diversas transformações, em função da evolução do conhecimento humano, das tecnologias e das necessidades que surgiram com o aumento da população.

Cada país tem suas próprias regras que regulamentam as atividades trabalhistas, bem como uma cultura que, de certa maneira, está associada com a forma como as pessoas trabalham. No Brasil, cada modelo de atividade laboral é classificado de acordo com sua legalidade, seus tipos de contrato de trabalho e sua formalidade.

Os diferentes tipos de empregos que existem facilitam para que cada profissional possa traçar seu caminho de acordo com suas preferências e necessidades. Continue a leitura e conheça as opções de trabalho para seguir carreira!

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.

CLT

A Consolidação das Leis de Trabalho (CLT) são normas que regularizam as relações trabalhistas brasileiras. Quem opta por esse regime de contratação tem a carteira de trabalho assinada, o que gera responsabilidades trabalhistas para o empregador e o empregado.

Nesse caso, existe uma jornada de trabalho definida com horário de início e de término das atividades e intervalos predeterminados para descanso e refeição. Há também um salário e um cargo registrados na carteira.

O valor sinalizado não é exatamente o recebido, pois existem descontos relativos ao imposto de renda, INSS e refeição ou transporte. Essa é a melhor opção para quem precisa de uma rotina bem estabelecida.

Autônomo

Trabalho autônomo é qualquer atividade realizada por profissionais de forma liberal, prestando serviços para pessoas ou para empresas por um tempo definido, sem vínculo empregatício. Existem questões tributárias que favorecem a atividade.

Por esse motivo, quem opta por esse tipo de emprego tem completa autonomia profissional e financeira, não assumindo a função de um funcionário efetivo. É importante que o autônomo desenvolva suas atividades com organização própria, discricionariedade e iniciativa, além de escolher o melhor modo, lugar e tempo de execução.

Esse trabalhador pode, até mesmo, exercer atividades em casa. O lado negativo é que a prestação de serviços pode ser eventual. Por isso, essa modalidade é ideal para quem lida bem com a insegurança financeira e tem disciplina para trabalhar em casa.

Empresário

Empresários são profissionais que conduzem uma empresa. Eles realizam atividades profissionais, estruturadas para comercializar bens ou serviços. De acordo com a lei brasileira, existem duas modalidades de empresários no país:

  1. individual: pessoa física que cria uma organização de forma individual;
  2. coletiva: pessoa jurídica que explora uma atividade econômica formada por várias pessoas.

Os empresários não se destacam apenas por questões legais e jurídicas. Eles devem ter algumas características que os ajudam a gerir um negócio com maestria, como:

  • liderança;
  • espírito empreendedor;
  • capacidade de solucionar problemas;
  • conhecimentos em administração de empresas;
  • vontade de aprender coisas novas;
  • conhecer a relação entre empregabilidade e empreendedorismo;
  • humildade para identificar os próprios erros.

Estagiário

A legislação brasileira define o programa de estágio como um tipo de desenvolvimento profissional supervisionado. O trabalho pode ter duração máxima de 30 horas semanais, o que corresponde a 6 horas diárias.

O estágio tem o objetivo de preparar o estudante para o mercado de trabalho. A lei também formaliza duas modalidades:

  • obrigatório: exigido em cursos de graduação para que o aluno se forme;
  • não obrigatório: opcional para quem deseja ter uma experiência profissional durante a faculdade.

Estagiar é fundamental para iniciar a carreira. É uma excelente oportunidade para conhecer diferentes empresas, setores e ambientes de trabalho antes de se formar, tudo com mais possibilidades de explorar.

Além de aprender muitas tarefas e colocar a teoria em prática, o estagiário amadurece, descobre áreas com as quais tem mais afinidade, amplia seus horizontes e se torna um profissional muito melhor.

Aqui na Anhanguera, oferecemos oportunidades de emprego e estágio para os alunos por meio do Canal Conecta.

Freelancer

Freelancer é um profissional liberal que atua de forma autônoma e presta serviços para pessoas físicas ou empresas por períodos definidos. Além de ser favorecido na parte tributária, o profissional tem o benefício de conseguir trabalhos no mercado digital.

O freelancer trabalha por conta própria e precisa ter muito foco, organização e dedicação. É possível encontrar redatores, designers, jornalistas, fotógrafos, programadores, pintores, músicos, profissionais de marketing, entre outros, que buscam vagas de emprego para freelancers.

Essa é uma ótima opção para quem quer se recolocar no mercado de trabalho e está com dificuldade para encontrar emprego, seja por vontade de mudar de área, seja por causa de crises econômicas.

Voluntário

O trabalho voluntário não tem remuneração, e é necessário dedicar seu tempo e talento para ajudar outras pessoas. As atividades podem ser realizadas em diversas áreas, como creches, hospitais, asilos etc.

Quem opta pelo voluntariado deve ter boa vontade, responsabilidade e dedicação. Não há número de dias ou horas específicas de trabalho, podendo ser realizado uma vez por semana ou se tornar uma rotina.

Essa é uma ótima opção para quem gosta de ajudar as pessoas, busca novas experiências e não vê a questão financeira como um problema. O trabalho voluntário consiste no bem-estar dos outros, e a satisfação pessoal vem junto com a ação.

Contratação PJ

PJ é a sigla para Pessoa Jurídica. Esse tipo de trabalho é para profissionais que têm uma empresa registrada em seus nomes. Assim, eles sustentam todos os encargos para a realização dos seus serviços.

Por não configurar vínculo empregatício, é possível prestar serviços em diversas empresas. Como esse regime de trabalho não tem benefícios definidos em contratos (como 13° salário e férias), não há nenhum desconto no recebimento de valores.

Na prática, empresas que fazem contratação de prestadores de serviços PJ definem cronogramas de trabalho próprios, com data de início e de fim. Por isso, essa é uma boa opção para quem é capaz de fechar bons contratos, busca independência e lida bem com momentos de instabilidade profissional.

Embora existam diferentes tipos de emprego, não existe um melhor do que o outro. É importante ter em mente que cada um tem as suas características, vantagens e desvantagens. Por isso, o ideal é escolher aquele que mais se adéqua ao seu perfil e ao momento da carreira em que você se encontra.

Gostou do assunto? Então, não deixe de complementar a leitura e descubra como montar um plano de carreira para impulsionar o seu futuro!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.6 / 5. Número de votos: 37

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.