Áreas da Biomedicina nas quais se especializar

mulher trabalhando nas áreas da biomedicina

Você sabia que, entre as profissões da área de Saúde, ser biomédico está entre as melhores? A área, que nem sempre foi tão conhecida, vem ganhando cada vez mais destaque e importância no mercado de trabalho, sobretudo entre as profissões que envolvem bem-estar. Além de ser uma área promissora, é também um setor bastante abrangente, já que existem muitas áreas da Biomedicina nas quais você pode se especializar.

O profissional com graduação em Biomedicina pode atuar na área de pesquisa, exames laboratoriais, análises clínicas de pessoas e de alimentos, entre muitas outras — tudo a partir da investigação biológica das doenças humanas. Mas, além desse trabalho mais generalizado, o profissional pode se especializar em diferentes esferas da área. Confira, a seguir, a lista que preparamos!

Áreas da Biomedicina nas quais se especializar

Depois de terminada a graduação, fazer uma especialização é visto como essencial para que o profissional ganhe mais experiência na sua área de interesse e consiga destacar-se no mercado. Saiba que um biomédico recebe, em média, R$ 2.654,25, tendo teto de R$ 5.404,26. Para esse salto na remuneração, os anos no mercado e o investimento em especialização contam bastante.

E opções não faltam, pois o leque para aperfeiçoamento é grande:

  • análise ambiental;
  • análises clínicas;
  • banco de sangue;
  • biologia molecular;
  • citologia;
  • diagnóstico por imagem;
  • embriologia;
  • estética;
  • genética;
  • imunologia;
  • microbiologia;
  • perícia criminal;
  • reprodução humana.

Deu pra notar a variedade, não é? Por isso, quem se interessa por alguma dessas áreas pode se encontrar com a Biomedicina. Lembre-se de que é importante que o curso de graduação seja completo e vise permitir o desenvolvimento do aluno nessas áreas, como é feito na Anhanguera.

Abaixo, entenda melhor cada uma dessas esferas da Biomedicina. Assim, você pode começar a vislumbrar qual você prefere e a montar seu plano de carreira desde o início da graduação!

1. Análise ambiental

O profissional atuará examinando, como nome sugere, o ambiente. Analisar as condições de água e de esgoto, o descarte de substâncias e a poluição são alguns exemplos dessa especialidade. Geralmente, o profissional trabalha junto ao poder público a fim de melhorar a qualidade de tratamento e garantir mais saúde à população.

2. Análise clínica

Entre as especializações de Biomedicina, essa é uma das mais famosas e que traz bastante retorno financeiro. Apesar de já constar como uma das tarefas “básicas” do profissional, no aprofundamento, esse conhecimento é focado, garantindo mais credibilidade ao profissional. As principais atividades desse ramo são a análise de exames, buscando identificar doenças ou outras alterações. Numa pandemia, como a da COVID-19, o biomédico possui papel fundamental.

3. Banco de sangue

Especializando-se nessa área, o foco é analisar banco de sangue, fazer os exames necessários e ainda participar da organização e da administração dos setores. Além disso, o biomédico com essa especialidade trabalha auxiliando médicos e enfermeiros com pacientes que necessitem do uso do banco.

4. Biologia molecular

O profissional torna-se especializado em análise de moléculas de DNA e de RNA, entendendo os mecanismos que as envolvem. Pode ajudar no diagnóstico de doenças ou análises clínicas. Essa área também é bastante abrangente, sendo possível aprofundar-se ainda mais em algum ramo.

5. Citologia

Estuda doenças a partir da análise de células, sua formação ou possíveis problemas, que podem indicar a presença de alguma doença. Uma das ramificações dessa área é a citologia oncótica, que estuda e analisa células cancerígenas.

6. Diagnóstico por imagem

Com essa especialização, o profissional auxilia na captação das imagens durante exames, como tomografia e ressonância magnética, e, depois, ajuda na análise de material do paciente, fazendo a relação entre os dois tipos de exame.

7. Embriologia

Nessa área, o profissional especializa-se em analisar e estudar as células de formação dos seres vivos. Ou seja, analisa células embrionárias que formam os tecidos e as outras células do corpo. É bastante similar à área de genética, e as duas são complementares.

8. Estética

Essa é uma especialidade da Biomedicina que nem todos conhecem. Com ela, o profissional estuda, desenvolve e acompanha tratamentos estéticos, como para melhorar a saúde da pele e diminuir gordura. O trabalho é feito junto a um cirurgião plástico e dermatologista.

9. Genética

Também uma especialidade bastante conhecida, esse ramo da Biomedicina é o que faz análises genéticas, estudando profundamente os genes humanos. Geralmente é uma área de pesquisa, apesar de existir a análise genética clínica, responsável pela verificação da presença de algumas doenças genéticas.

10. Imunologia

Especializado nos estudos do sistema imunológico, esse profissional auxilia as pesquisas que envolvem essa área tão importante do corpo humano, entendendo seu funcionamento, mecanismos e composição. Além disso, pode trabalhar junto ao microbiologista para estudos de doenças.

11. Microbiologia

Ajuda no combate e cura de doenças por meio do estudo de organismos microscópios, sendo ligado ao universo de pesquisa em laboratório. Para ser um pesquisador na área, é importante ter uma base curricular bem completa.

12. Perícia criminal

É uma das áreas da Biomedicina que mais chama a atenção dos estudantes de graduação. O profissional torna-se responsável por estudar as evidências biológicas de uma cena de crime, seja ela violenta ou não.

13. Reprodução humana

Como o nome sugere, esse ramo da Biomedicina trabalha com todas as fases que envolvem a reprodução humana, seja na pesquisa, seja na prática clínica. Assim, esse profissional pode atuar em laboratórios e clínicas que realizam fertilizações.

Um leque de opções

Gostou de conhecer as principais áreas da Biomedicina? Além dessas, existem muitas outras opções nas quais o profissional pode escolher se especializar e tornar-se um excelente biomédico.

Para trabalhar na área, é preciso gostar do ramo da Saúde, principalmente a Bioquímica e a Biologia. Para quem se interessa por esse tipo de assunto e se enxerga como um futuro profissional da área, mas ainda tem dúvidas quanto ao nível superior, vale a pena considerar o curso de Biomedicina aqui da Anhanguera, que abre um grande leque de possibilidades para os profissionais graduados.

As aulas de nosso curso são bastante voltadas ao mercado de trabalho, contando com disciplinas que permitem a atuação em bancos de sangue, laboratórios de análises clínicas e diagnósticos por imagem. Também são trabalhadas matérias que preparam o aluno para atuar na produção e na comercialização de equipamentos e insumos para biodiagnóstico. Assim, você sai preparado para exercer sua nova profissão e, depois, especializar-se nas diversas áreas de atuação na Biomedicina.

Se não restam mais dúvidas, saiba que o vestibular da Anhanguera está aberto para quem quer adentrar na profissão. Entre em contato com a instituição para mais informações!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 17

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.