Enfermagem Veterinária: o que você precisa saber sobre o assunto

enfermagem veterinária

Uma das áreas mais em alta na atualidade é a Medicina Veterinária. Essa é uma carreira cheia de possibilidades, na qual o formando poderá explorar as suas habilidades tanto no âmbito clínico e cirúrgico quanto em áreas como a vigilância sanitária, a produção animal e a indústria.

No entanto, isso não é tudo. Há igualmente a Enfermagem Veterinária, uma profissão que envolve os cuidados com os animais de estimação, mas que não exige nível superior para que o profissional possa atuar.

New call-to-action

Quer saber mais sobre esse tipo de profissão e conhecer as suas diferenças em relação ao curso de Medicina Veterinária? Então, continue com a gente e tire todas as suas dúvidas sobre o tema!

O que é a Enfermagem Veterinária?

Nos hospitais e nas clínicas voltados para os seres humanos, o enfermeiro é um profissional indispensável. Ele é responsável pelo acompanhamento frequente do paciente, assim como pela realização de alguns procedimentos de rotina que visam garantir o seu bem-estar.

Isso também é válido para as clínicas e os hospitais veterinários!

Portanto, a Enfermagem Veterinária é uma área que forma enfermeiros veterinários, encarregados de acompanhar os pacientes de diferentes espécies na rotina clínica e em ambientes de internação hospitalar.

Como é o dia a dia de um enfermeiro veterinário?

Um dos momentos do processo de como descobrir a área de atuação é o em que nós descobrimos quais são as atribuições daquele determinado profissional. Assim, podemos ver se é realmente isso que queremos para o nosso dia a dia!

Algumas das funções do enfermeiro veterinário são:

  • contenção dos animais durante a coleta ou a realização de exames (coletas de sangue, urina, exames de imagem, entre outros);
  • administração de fluidoterapia ou medicações por via venosa, oral, intramuscular ou subcutânea;
  • esterilização e organização das ferramentas no centro cirúrgico;
  • aferição de pressão arterial e temperatura corpórea;
  • aplicação de vacinas.

No entanto, uma das mais importantes atribuições desse profissional é o acompanhamento frequente dos animais internados. O enfermeiro será responsável por conduzir plantões e monitorar os sinais vitais dos pacientes, sempre em companhia do médico veterinário encarregado pelo setor.

Quanto ganha um profissional da Enfermagem Veterinária?

Um enfermeiro veterinário recebe, em média, R$ 1.475,71* por uma jornada de 43 horas trabalhadas semanalmente.

Como atuar na Enfermagem Veterinária?

A atuação como enfermeiro veterinário ocorre a partir da realização de um curso técnico em veterinária.

Esses cursos têm, no geral, duração de 6 a 18 meses, e são devidamente reconhecidos pelo Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) como uma atuação possível do setor.

Em alguns lugares, no entanto, a enfermagem veterinária é uma área de curso superior. Um bom exemplo disso é Portugal, que traz oportunidades de Licenciatura no setor.

Quais são as diferenças entre a Enfermagem e a Medicina Veterinária?

Agora que já sabemos como funciona o setor da Enfermagem Veterinária, que tal conhecermos algumas características de sua área-irmã, a Medicina Veterinária?

Não é apenas no nome que essas profissões diferem. Ainda que ambas cuidem do bem-estar dos animais, é fundamental compreender as suas diferenças no dia a dia da carreira.

A primeira diz respeito às atribuições. Enquanto o auxiliar veterinário pode realizar poucos procedimentos, o veterinário está liberado a fazer cirurgias e procedimentos mais complexos. Além disso, pode prescrever medicações e realizar diagnósticos.

A segunda diferença que podemos observar está nas áreas de atuação. O auxiliar veterinário pode trabalhar em clínicas, ONGs (Organizações Não Governamentais), hospitais e centros voltados para os animais. A amplitude de atuação dos médicos veterinários vai além, abrangendo setores como a inspeção e a produção animal, a vigilância sanitária e muito mais.

Por fim, temos a remuneração. O salário obtido pelos médicos veterinários é muito superior, podendo ainda mudar bastante de acordo com a área de atuação escolhida por ele. Os veterinários também podem optar por especializações, assim como é visto na Medicina Humana, o que permite o avanço na carreira, algo que não é visto no dia a dia do auxiliar.

Quais são as vantagens de investir em um curso superior de Veterinária?

Como podemos ver, a atuação de um auxiliar é bem diferente da atuação de um médico veterinário. É claro que os auxiliares são fundamentais para a rotina clínica dos cuidados com os pets, mas é inegável que investir em um curso superior tem as suas vantagens.

A primeira delas é, sem dúvidas, o maior reconhecimento no mercado de trabalho. Isso permite a conquista de vagas muito melhores, além de permitir o crescimento na carreira, evitando a estagnação.

A remuneração, então, nem se fala! Um médico veterinário recebe, em média, R$ 3.954,84* para uma jornada de trabalho de 39 horas semanais. É, portanto, mais que o dobro do que o recebido pelo auxiliar — e com menos horas trabalhadas por semana.

Há, ainda, a atuação do profissional. Com os auxiliares, ela é bem limitada, o que não acontece com os profissionais que se graduam na faculdade. As áreas da Medicina Veterinária são amplas e, certamente, você encontrará a realização necessária em uma das especialidades vistas no setor.

Como escolher uma boa faculdade de Veterinária?

Para se dar bem nessa carreira, no entanto, você precisa escolher uma boa faculdade para conduzir os seus estudos. Ela deve preparar para o mercado de trabalho e, ao mesmo tempo, desenvolver habilidades socioemocionais que serão essenciais para o seu dia a dia na profissão.

E, claro, isso você encontra aqui, na Anhanguera!

Alguns dos diferenciais da Anhanguera são:

  • uso frequente da tecnologia no ensino;
  • comprometimento com o bem-estar do aluno por meio de apoio constante e personalizado;
  • grade curricular atualizada;
  • corpo docente qualificado;
  • infraestrutura adequada para o curso de Medicina Veterinária;
  • Avaliação Continuada, que possibilita o desenvolvimento contínuo do aprendizado;
  • Aula Destaque, que conecta os alunos com profissionais de referência em suas áreas de atuação;
  • Trilhas de Carreira, que trazem certificados para enriquecer o currículo;
  • Habilidades Digitais, que preparam o futuro médico veterinário para investir em seus próprios negócios no futuro;
  • Canal Conecta, que auxilia o estudante na busca pelas melhores vagas de estágio em sua região.

E muito mais!

Vem estudar com a gente!

Agora que você já conhece a área da Enfermagem Veterinária e sabe como investir em um curso superior é vantajoso, que tal partir para essa nova fase de sua vida? Certamente, uma faculdade de Medicina Veterinária revolucionará a sua vida e a sua carreira!

Para não perder mais tempo, inscreva-se agora mesmo no vestibular Anhanguera para Medicina Veterinária. O seu sonho não precisa ser adiado — o momento é agora!

* Sujeito a alterações

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.3 / 5. Número de votos: 6

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Skip to content