Qual a importância da Iniciação Científica na formação acadêmica?

qualaimportanciadainiciacaocientificanaformacaoacademica

Um projeto de Iniciação Científica é uma excelente estratégia para que os estudantes busquem e ampliem o conhecimento por si próprios. Por meio dos trabalhos, a instituição de ensino consegue potencializar a formação dos indivíduos para que apresentem melhores resultados.

Sendo um instrumento de aprendizagem adicional, o projeto pode ser realizado no mesmo período da graduação, atuando positivamente sobre o desenvolvimento acadêmico dos alunos. Até porque, a pesquisa é um forte apoio teórico e metodológico que auxilia a complementar a grade curricular do curso.

Para saber mais sobre o assunto, acompanhe a seguir e saiba qual a importância e, ainda, como funciona a Iniciação Científica. Confira!

O que é Iniciação Científica?

Um projeto de Iniciação Científica consiste em uma ferramenta de investigação para que o graduando tenha uma experiência de ensino mais aprofundada em determinado assunto científico no qual apresente interesse. O trabalho é realizado em conjunto com um ou mais professores-orientadores que auxiliam o estudante a buscar soluções para os problemas estudados.

Com isso, o indivíduo tem a chance de aperfeiçoar seus conhecimentos teóricos e técnicos dentro de sua área de atuação, além de avaliar se a carreira escolhida é adequada para suas habilidades e pretensões acadêmicas. Ela é aceita em todos os tipos de graduação e pode servir para produzir conteúdo relevante tanto em artigos científicos e revistas quanto para o famoso Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

A Iniciação Científica também é fundamental para o desenvolvimento da sociedade como um todo, uma vez que ela incentiva o desenvolvimento da pesquisa no país e contribui para criar conhecimentos para uma série de setores. Atualmente, as melhores faculdades do Brasil contam com graduandos inscritos em projetos deste tipo.

Iniciação Científica remunerada vs. Não remunerada

Agora que você já sabe o que é um projeto de Iniciação Científica, é fundamental entender que existem duas modalidades de pesquisa: remunerada e não remunerada. A depender da qualificação do corpo docente e do objeto de estudo, você pode concorrer a uma bolsa de auxílio e incentivo por conta da dedicação ao trabalho.

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) é o principal responsável pelo funcionamento do sistema de bolsas, garantindo melhor estrutura e qualidade sobre as pesquisas e seus resultados. A quantidade de auxílios depende, sobretudo, de decisões governamentais que definem a inclusão ou cortes, sempre de acordo com o orçamento destinado para o setor a cada ano.

Quais são as vantagens de participar de um projeto de Iniciação Científica?

Participar de grupos de Iniciação Científica pode ser bastante vantajoso para os graduandos, sobretudo para quem deseja seguir na carreira acadêmica. Além disso, a pesquisa também pode ser utilizada como um ótimo embasamento para o TCC, devido à proposta e aos objetivos de ambos os trabalhos serem similares.

Veja, a seguir, as principais vantagens que os estudantes podem aproveitar quando participam de um projeto de Iniciação Científica.

Desenvolvimento de senso crítico

Apostar na pesquisa promove uma formação mais especializada, favorecendo aspectos importantes para o desenvolvimento dos graduandos. Por meio do projeto, por exemplo, é possível ter maior senso crítico, criatividade, disciplina, entre outros pontos relevantes. O trabalho também amplia a visão de mundo do aluno, influenciando diretamente a sua atuação no mercado de trabalho.

Maior chance de ser aprovado em pós-graduações

Caso você queira dar continuidade aos estudos por meio de alguma modalidade de pós-graduação, como mestrado, doutorado ou pós-doutorado, saiba que a Iniciação Científica é um passo essencial para ingressar neste universo. Realizando um projeto, portanto, o graduando tem maior chance de ser aprovado em pós-graduações no futuro, uma vez que os programas de seleção avaliam justamente se o candidato apresenta pesquisas em seu currículo acadêmico.

Maior chance de se destacar em entrevistas de emprego

A Iniciação Científica traz grande diferencial também no exercício profissional do estudante, tendo em vista que o trabalho contempla uma série de aspectos valorizados no mercado, como análise crítica, autonomia e determinação para superar dificuldades e desafios. Sendo assim, a possibilidade de se destacar em entrevistas de emprego aumenta consideravelmente, fazendo com que você seja um profissional mais disputado.

Possibilidade de ganhar bolsa de estudos

A depender da modalidade de pesquisa, do perfil do seu orientador e do tema do seu objeto de estudo, você pode concorrer a uma bolsa de auxílio financeiro para custear os materiais didáticos e o tempo que se dedicará para desenvolver o trabalho. No entanto, a quantidade de bolsas são limitadas e, geralmente, os candidatos devem atender a determinados critérios para ter o seu projeto aprovado.

Networking com professores referências na área

Outra grande vantagem da Iniciação Científica é que ela coloca o graduando em contato direto com professores que são referências em suas áreas de atuação. Assim, o aluno tem a chance de potencializar o seu networking, absorvendo conhecimentos técnicos e metodológicos que colaboram para a ampliação do aprendizado de seu objeto de estudo.

Além disso, é possível ser indicado a novas pesquisas e a participar de eventos focados na apresentação de trabalhos acadêmicos, o que representa excelentes pontos para o currículo.

Como conseguir uma bolsa de Iniciação Científica?

Estando por dentro das vantagens da Iniciação Científica, certamente você não quer ficar de fora dessa interessante oportunidade para a sua graduação, não é mesmo? Para conquistar uma bolsa, portanto, é preciso dedicar tempo e esforço para atuar de forma exclusiva ao trabalho. Os auxílios são concedidos diretamente às instituições de ensino responsáveis pelo processo de seleção, sempre respeitando as normas estabelecidas pelo CNPq.

Geralmente, as bolsas têm duração de 12 meses e podem ser renovadas ou não, dependendo se o estudante seguiu as regras propostas pela agência de fomento. Todos os valores de bolsas podem ser consultados no próprio site do CNPq, que lista as taxas específicas para cada modalidade de pesquisa.

Aqui na Anhanguera, oferecemos um Programa de Apoio Acadêmico que incentiva os discentes a participarem de projetos de produção científica, propiciando um verdadeiro diferencial pedagógico. Além disso, por meio do Giro de Profissões os estudantes têm orientações vocacionais mais precisas em relação às oportunidades profissionais disponíveis no mercado de trabalho, sendo uma ferramenta de apoio para a realização e a elaboração de projetos em todas as áreas do conhecimento.

Você deve ter percebido que o projeto de Iniciação Científica é um trabalho sério e necessário para a evolução do país como um todo, não é mesmo? Portanto, é preciso se candidatar para entrar na pesquisa com extrema responsabilidade e dedicação. Com isso, você poderá aproveitar todas as vantagens que o projeto oferece para a sua formação acadêmica!

Gostou do conteúdo? Aproveite a visita e entenda também como o nível superior impulsiona seu desenvolvimento!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.8 / 5. Número de votos: 5

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

2 Comentários

    Sou aluna da Anhanguera e tenho interesse em iniciação científica, porém nunca ouvi falar desse Programa de Apoio Acadêmico. Gostaria de mais informações.
    Atenciosamente.

      Oi, Nayara! Tudo certo? O Programa de Iniciação Científica (PIC) é um programa institucional que permite envolver alunos no desenvolvimento de projetos de pesquisa, sob a orientação de um professor.
      O PIC utiliza o Sistema Anhanguera de Iniciação Científica (SAIC) para gestão e acompanhamento dos projetos, que foi desenvolvido pelo IPADE com base no sistema de gestão editorial utilizado para as publicações científicas. Os alunos de graduação presencial e EaD podem participar do processo de seleção realizado nas unidades, seguindo as orientações dispostas em edital do programa.
      Você pode entrar em contato através do e-mail pic@anhanguera.com para mais informações do edital na sua unidade de ensino.

      Abraços!

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content