Processos financeiros: como fazer uma boa gestão de rotinas?

processos financeiros
Banner curso de Inteligencia Artificial por R$ 66,42 na Anhanguera

Os processos financeiros de uma empresa são todos aqueles que envolvem a gestão desse setor. Controle de entradas e saídas, cálculo de custos, capacidade de investimento e resultados de certas tomadas de decisão.

A gestão desses processos precisa ser rigorosa, pois alguns dígitos errados podem levar a grandes consequências. Por isso, desde o controle de caixa até a conciliação bancária demanda profissionais bastante atentos.

Se quiser aprender tudo sobre processos financeiros, mapeamentos e ferramentas de gestão desse setor, confira o artigo abaixo. Trouxemos os principais conceitos e alguns passo a passo essenciais.

O que são processos financeiros?

processos financeiros

Processos financeiros se referem às ações e técnicas aplicadas na gestão de algum recorte do setor financeiro de uma empresa. Você pode considerar gestão de fluxo de caixa, cobrança de clientes inadimplentes, captação de recursos e controle de pagamentos a fornecedores como alguns dos principais exemplos.

Diferentes organizações de diferentes setores vão ter processos financeiros próprios. Por exemplo, uma empresa de produtos digitais dificilmente precisará lidar com gestão de estoque, no máximo dos materiais de escritório. Agora, em uma indústria metalúrgica, essa parte da gestão financeira é essencial.

Logo, os processos financeiros e orçamentários são essenciais para qualquer empresa. Não é possível atingir bons índices de lucratividade sem análise de custos ou melhoria de processos financeiros.

Quais são os principais processos financeiros de uma empresa?

Os principais processos financeiros de uma empresa dependerão dos índices-chave de desempenho dela e dos seus objetivos. No entanto, podemos listar alguns daqueles que são mais utilizados pelas organizações.

Confira os principais processos utilizados na administração financeira e no controle de despesas de uma empresa:

  • Capital de Giro: montante composto pelos recursos de alta liquidação da organização, como dinheiro, crédito, estoque, entre outros, permitindo conhecer os recursos disponíveis para suas projeções financeiras;
  • Fluxo de caixa: controle básico de entradas e saídas, ou seja, do que entra e do que sai, para saber se depois de certo período há mais dinheiro ou menos em comparação ao início;
  • Contas: o processo financeiro de contas a pagar e a receber são essenciais em qualquer planejamento financeiro, pois é preciso saber que recursos a empresa terá disponíveis para seus investimentos;
  • Faturamento: é básico nas estratégias financeiras calcular a entrada de recursos da empresa e conferir, antes do lucro, como estão as vendas e os resultados dos investimentos no geral;
  • Captação de recursos: buscar por crédito, editais públicos de fomento econômico e investidores são algumas das operações principais desse recurso e garantem um orçamento empresarial mais robusto, permitindo um planejamento de recursos financeiros focado em investimentos e expansão;
  • Emissão de relatórios de análise financeira: todas tomadas de decisão sobre operações financeiras precisam ser calcadas na realidade. Emitir relatórios permite uma administração de recursos financeiros;
  • Outros processos de controle financeiro: a lista de processos de gerenciamento financeiro é bem grande e você não dominará todos em apenas uma leitura. É preciso estar em constante estudo se quiser ser um profissional de administração estratégica e alcançar eficiência financeira para sua organização.

Saiba mais: Tudo que você precisa saber sobre planejamento estratégico empresarial

Como fazer um mapeamento de processos financeiros?

processos financeiros

A administração de recursos financeiros  passa por diversos tipos de processos. Por isso, vamos trazer um passo a passo baseado na gestão de processos administrativos financeiros no geral, não apenas para este ou aquele. Confira:

1. Estude a situação atual

Se quiser aplicar ou melhorar processos do setor financeiro, é importante entender como eles estão ocorrendo atualmente. Faça um levantamento de todos eventos que são considerados começo e fim de cada processo existente e depois liste como são os passos entre eles.

2. Encontre os problemas

Agora você já sabe como os processos estão ocorrendo e será mais fácil identificar os erros, gargalos e obstáculos. Inclusive, muitos problemas encontrados no dia a dia da empresa terão sua origem encontrada agora. Cada errinho pode custar um real, mas um real por erro, um erro por processo e diversos processos pode levar a centenas de reais em um mês.

3. Escolha seus recursos

Sabendo o que precisa ser resolvido, você deve eleger os recursos que serão movidos para tomar uma atitude. Isso significa implantação de ferramentas, delegação de tarefas, mudanças na organização etc.

4. Use boas ferramentas

Controle a implantação e a reorganização dos processos financeiros com o uso de ferramentas boas e eficientes, que não trarão de volta o caos de antes da tomada de decisão por fazer o mapeamento em busca de otimização de processos financeiros. 

Algumas sugestões: planilhas de Excel, sistemas de gestão financeira e ERPs com bom painel financeiro.

5. Desenvolva um novo fluxo de processos

Após determinar objetivos, recursos e ferramentas, é hora de montar seu novo fluxo de processos. Monte uma lógica entre todas as etapas, indique a função de cada responsável, como o trabalho deve ser feito e formas de acompanhar o progresso.

6. Estabeleça KPIs

É importante escolher com rigor os indicadores de desempenho chave para os processos do setor financeiro. Alguns deles são custo por aquisição de cliente, giro de estoque e lucratividade.

7. Mantenha o controle

Utilize os indicadores chave de desempenho, relatórios e dashboards para os novos fluxos de trabalho. Qualquer processo financeiro de uma empresa precisa vir acompanhado de monitoramento, de preferência em tempo real.

Estratégias para uma boa gestão de processos financeiros 

processos financeiros

As principais estratégias de uma boa gestão de processos financeiros se baseiam em dois pilares: ferramentas eficientes e automatização. É assim que você simplifica o fluxo, otimiza os passos, dá mais estabilidade para a organização e economiza muito tempo e dinheiro.

Bons sistemas digitais, inclusive, já contemplam a automatização de processos financeiros. Se você quiser evoluir como profissional e investir nesse setor, é preciso conhecer as principais ferramentas e dominá-las.

Quando falamos de ferramentas, no entanto, também estamos falando de estratégias e táticas consolidadas de rotinas de processos financeiros, não apenas os sistemas digitais a serem implementados.

Por isso, além de se manter atualizado para novas soluções digitais que tragam melhorias de processos financeiros, é importante que você estude a base desse setor administrativo.

Um bom curso de gestão de processos, por exemplo, é bem útil nesses momentos. A teoria base e a prática de profissionais experientes ajudam você a dominar a gestão dos processos financeiros nas organizações.

Você poderá melhorar não apenas o fluxo de processos do setor financeiro, mas de todos os setores da empresa. Qualquer processo administrativo é passível de melhorias.

Qual a diferença entre processos gerenciais e gestão financeira?

Processos Gerenciais é uma área de estudo e trabalho da administração focado em conhecimentos multidisciplinares, aplicados em variados processos, inclusive nos financeiros. A gestão financeira por sua vez cuida apenas de processos financeiros, como análise de investimentos, controle de fluxo de caixa entre outros.

Por isso, uma carreira que comece com o faculdade de processos gerenciais pode te levar para vários caminhos profissionais. Mesmo que você decida se especializar em gestão financeira ou qualquer outra, sua fortaleza, desenvolvimento e otimização de processos, será 100% aproveitado.

Além do mais, especializar-se em um setor sabendo a base dos processos dos outros te torna um profissional muito valioso. Cada vez mais as empresas investem em integração de dados e sistemas – ser um colaborador com base multidisciplinar de conhecimento o deixará um passo à frente dos concorrentes.

processos financeiros

Por isso, conheça o tecnólogo de processos gerenciais da Anhanguera. Em apenas 2 anos, você terá uma graduação de grande valor no mercado, média salarial de R$4.200 e muito espaço para crescer. 

Mas se você já tem graduação ou não tem tempo para uma no momento, não desista de se capacitar. O curso profissionalizante “Processos de Gestão Administrativa” de apenas 190 horas é uma ótima adição à sua carreira. Confira!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Inscreva-se gratuitamente no vestibular online ou use sua nota do Enem para obter bolsas e descontos!

Artigos relacionados