O que faz um assistente social: 6 áreas de atuação do Serviço Social

O que faz um assistente social

O curso de Serviço Social faz parte da área de Ciências Humanas e tem por objetivo formar profissionais preparados para trabalhar com o planejamento, a implementação, a coordenação e a avaliação de políticas e de projetos sociais para ajudar as pessoas. Então, se você ainda está se perguntando o que faz um assistente social, saiba que este conteúdo foi preparado para você.

Nossa sociedade está recheada de problemas que precisam ser solucionados, tal como acontece em qualquer dinâmica social. Por isso, a atuação desses profissionais é fundamental para suprir as demandas sociais. Se você se identifica com a área, é melhor ficar ligado para entender um pouco mais sobre o assunto. Aproveite!

Quais são as principais áreas de atuação para um assistente social?

Se você ainda não sabia, é possível atuar em diferentes áreas quando você opta pelo ensino superior em Serviço Social. A seguir, elencamos as principais delas para que você as conheça mais de perto. Fique atento e confira!

Assistência social

A assistência social é um direito de todo o cidadão, bem como a educação e a saúde. Por isso, uma das principais atribuições possíveis de um assistente é promover tanto o bem-estar físico como o psicológico e social. Para isso, ele pode atuar junto a empresas privadas, a órgãos públicos ou a organizações não governamentais.

Nesses ambientes, você acompanhará as pessoas de uma comunidade, desenvolvendo projetos assistenciais específicos, que atendem a crianças, adolescentes, jovens, adultos ou idosos que demandam esses cuidados. São os casos das situações de risco, como o abandono, por exemplo.

Educação

Outra área bastante frequente em que os assistentes sociais optam por trabalhar está a educação. As oportunidades de trabalho existem tanto nas instituições públicas quanto privadas. Nesses ambientes, suas atribuições são cuidar de programas de bolsas de estudos, financiamento e cotas, por exemplo.

Além disso, podem criar e acompanhar projetos sociais, sugerindo melhorias e adaptação dos critérios para a seleção dos estudantes que podem ser beneficiados. Mas é claro que também pode ir bem além disso.

No ensino superior, por exemplo, um assistente social pode ajudar a criar soluções eficientes de integração para a população em situação de vulnerabilidade. Isso por ser trabalhado por meio de atividades de conscientização e do próprio suporte aos alunos necessitados.

Saúde

Muitos assistentes sociais optam por trabalhar diretamente nos sistemas de saúde, que é um dos principais direitos que devem ser garantidos à população. E, dentro dessa área, a atuação também pode ter algumas variações.

Existem aqueles que trabalham como interlocutores entre o próprio sistema de saúde e os profissionais e pacientes que interagem com ele. Assim, podem esclarecer os processos hospitalares e contribuir com o fluxo de procedimentos.

O assistente social também fornece acesso a todas as informações das quais o usuário necessitará quando estiver fazendo uso dos recursos de saúde pública. Isso inclui a criação de programas educativos e o incentivo para participação das comunidades nas campanhas de conscientização, por exemplo:

  • campanhas de vacinação;
  • prevenção de epidemias;
  • prevenção de doenças transmissíveis.

Por fim, há aqueles profissionais que se especializam e se dedicam exclusivamente aos casos de atendimento a vítimas de abuso e violência na saúde. Se você também tem interesse por essa área, é bom se aprofundar também a respeito da Psicologia Social.

Relações de trabalho

Nas empresas, o assistente social também ocupa um lugar de destaque. Ele tem um papel fundamental na garantia de direitos dos trabalhadores nas relações de emprego. Isso tudo através de programas educativos e de conscientização para os colaboradores.

Muitos dos assuntos de domínio dos assistentes sociais podem ser abordados com as equipes, a incluir:

  • assuntos relacionados à saúde;
  • direitos e deveres trabalhistas;
  • segurança do trabalho;
  • bem-estar no ambiente corporativo.

Além de assuntos sociais gerais, como o abuso e a violência doméstica, prevenção e combate à drogadição, entre outros.

Como uma formação de qualidade impacta o desempenho e atuação profissional?

Você já deve ter entendido que o que faz um assistente social vaia bem além de ajudar pessoas. Na verdade, são eles que ajudam a garantir a proteção aos direitos da população, promovendo a conscientização das pessoas em relação aos benefícios sociais que elas podem obter. Por isso, é fundamental que esse profissional conte com uma boa formação.

Com uma qualificação confiável, você poderá aprofundar o seu conhecimento sobre as necessidades da população, com um contato mais próximo e pesquisas socioeconômicas confiáveis que ajudam a identificar quais são as prioridades para cada comunidade. Assim, você poderá agir estrategicamente para melhorar a condição de vida de todos.

Escolhendo uma instituição séria e comprometida, você terá acesso a aprendizados sobre a realidade econômica, social, política e cultural do país e do mundo. Além disso, será capaz de elaborar planejamentos e propostas de programas voltados para o bem-estar coletivo.

Para isso, a Anhanguera investe na abordagem de disciplinas como:

  • Acumulação Capitalista e Desigualdade Social;
  • Administração e Planejamento em Serviço Social;
  • Ciência Política;
  • Direito e Legislação;
  • Ética Profissional em Serviço Social;
  • Gestão Social e Análise de Políticas Sociais;
  • Movimentos Sociais;
  • Pesquisa Social;
  • Políticas Setoriais;
  • Sociologia Crítica.

No Brasil, com tantas mudanças socioculturais e demandas sociais, o mercado para o assistente social só cresce, tanto no setor público quanto no privado. Além disso, também existe a possibilidade de trabalhar prestando consultorias de forma autônoma, o que amplia ainda mais as possibilidades para quem opta por essa graduação.

Quais são as vantagens de ser um aluno Anhanguera?

A Anhanguera trabalha consistentemente no desenvolvimento de formações de qualidade para os seus alunos. Priorizamos um ensino superior atualizado, flexível e com aplicabilidade prática, dentro de um período curto de preparação, sem abrir mão da qualidade educacional.

Por isso, como os demais cursos de Tecnólogo da Anhanguera, a graduação em Serviço Social pode ser concluída em um tempo menor, deixando o profissional apto para atuar no mercado de trabalho. Além disso, oferecemos vantagens exclusivas, como:

  • Trilhas de Carreira, que contribuem para a complementaridade da formação e para o desenvolvimento de novas habilidades;
  • Canal Conecta, um portal que une os alunos às vagas ideais de emprego, de acordo com o seu perfil e qualificação profissional.

Agora é com você!

Muito bem, se você tinha dúvidas entre Serviço Social ou Psicologia, este artigo ajudou bastante, concorda? É muito importante contar com uma graduação que forneça todo o embasamento para que o aluno construa a sua jornada profissional. Ele deve entrar no curso superior como um aprendiz e sair como um assistente preparado para dar todo o suporte para as comunidades com as quais trabalha.

Sendo assim, agora que você já sabe o que faz um assistente social e como a Anhanguera pode contribuir com a sua preparação para ingressar nesse mercado, que tal fazer a sua inscrição para o vestibular?

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.4 / 5. Número de votos: 187

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registered successfully
Oops! Invalid email, please check if the email is correct.
Oops! Invalid captcha, please check if the captcha is correct.