Kit de veterinária: o que vou precisar para faculdade?

kit de veterinária

O curso de Medicina Veterinária é uma graduação que explora muitas atividades práticas para que o aluno construa suas habilidades profissionais.

Ao longo do curso, é natural que os alunos manipulem nas aulas peças ou animais inteiros para compreender todos os sistemas que compõem os bichos e, também, as doenças ou anomalias que levaram aos seus óbitos.

Além disso, chegará o momento em que os estudantes terão contato com casos reais, participarão de cirurgias e partos e começarão a realizar atendimentos durante a fase de estágios.

Por isso, vários instrumentos de veterinária são indicados para que o aluno adquira. Eles serão de uso diário e, posteriormente, farão parte dos seus materiais básicos enquanto profissional

Então, que tal saber como é o kit de veterinária que será usado na faculdade? Continue a leitura do nosso artigo e veja os principais itens para compor a sua maleta pessoal!

Quais itens compõem o kit de veterinária estudantil?

A partir de agora, você vai conhecer os itens que não podem faltar na vida acadêmica de um estudante de veterinária. São instrumentos, aparelhos e materiais indispensáveis às atividades práticas e, também, à sala de aula.

Alguns deles você vai precisar desde o primeiro semestre; outros vão ser necessários nas etapas mais avançadas do curso e no estágio em Medicina Veterinária

Mas não se assuste com o tamanho da lista. Muitos desses materiais são oferecidos pela própria faculdade, ou podem ser adquiridos por um valor baixo ― depois, você compra itens mais sofisticados para quando se formar. Então, prossiga a leitura!

Equipamentos de Proteção Individual (EPIs)

O nome pode soar meio esquisito, mas aqui estamos falando de luvas, touca, máscara cirúrgica e o famoso jaleco. Esses itens são necessários para evitar contaminações entre humanos e animais, ou seja, garantem a assepsia enquanto estiver em aulas práticas ou nos estágios.

Kit de dissecação e cirurgia

Esses kits são fascinantes para os alunos de Veterinária e de cursos da área da Saúde, pois são utilizados em matérias como Anatomia, Cirurgia e Estágios. Ambos os kits têm os seguintes materiais básicos:

  • cabo de bisturis e lâminas: normalmente, os estudantes precisam de um bisturi e lâminas simples. O mais comum é o cabo de bisturi n.º4, com as respectivas lâminas ― elas vêm em kits com 10;
  • fios agulhados para suturas: costuram tecidos rompidos ou cortados. Alguns são absorvíveis pelo organismo;
  • pinça anatômica: é utilizada na dissecação para segurar parte do tecido e facilitar a ação de outros instrumentos;
  • pinça dente de rato: utilizada na dissecação e na cirurgia para prender músculos mais grossos e tendões;
  • porta-agulha Mathieu: serve para segurar agulhas em suturas. A diferença é que seu cabo é do tipo tesoura com cremalheira;
  • porta-agulha Mayo Hegar: é um porta-agulhas no formato de uma tesoura, com a ponta serrilhada. Serve para prender agulhas durante uma sutura em tecidos;
  • tesouras cirúrgicas: embora possam ser usadas na dissecação, na hora de uma cirurgia, fazem toda a diferença. Cada tipo é indicado para que os cortes ganhem mais precisão e facilitem a recuperação do animal. Os tipos mais comuns são: bico de pato, com trava, angulada, tesoura reta e tesoura curva;
  • estojo: tudo isso é guardado em um estojo retangular de aço inox que você pode levar na mochila ou em sua maleta;
  • aparelho para tricotomia: é um aparelho de tosa utilizado para retirar os pelos antes das cirurgias ou outros procedimentos veterinários. Em alguns casos, uma máquina de barbear ou cortar cabelo serve.

Na fase de estágio, podem ser solicitados alguns materiais específicos, sobretudo se você for trabalhar com animais de grande porte ou exóticos.

Equipamentos veterinários

Estes equipamentos acompanham os médicos veterinários desde a faculdade. São utilizados na hora de fazer exames clínicos sendo, portanto, muito utilizados a partir das aulas de Semiologia Veterinária ― em que o aluno aprende métodos de diagnóstico de doenças:

  • estetoscópio: esse aparelho é usado para amplificar os sons corporais de humanos e animais. Usado especialmente para auscultar os batimentos cardíacos e a respiração;
  • martelo de exame neurológico: é aquele martelo como o de um médico, para testar os reflexos do animal;
  • medidor de pressão: como o nome sugere, serve para medir a pressão arterial dos animais. O kit completo vem com esfigmomanômetro, manguitos e um doppler;
  • otoscópio: é um aparelho para observar as condições do ouvido dos animais. O formato é cilíndrico, tem uma lente e uma lâmpada, além de ponteiras de vários tamanhos.
  • termômetro digital: para medir a temperatura dos animais.

Dica de leitura! Dê uma olhadinha neste post e confira os 6 principais avanços tecnológicos na Medicina Veterinária.

Outros materiais

Além desses materiais, você pode ir compondo seu kit com outros itens ao longo do tempo. Uma boa notícia é que parte desses materiais você ganha em congressos e feiras da área! Veja a lista:

  • antisséptico: para limpeza de ferimentos e áreas do corpo;
  • bandagens: para cobrir curativos;
  • garrote: cordão de borracha usado para suspender a circulação na hora de tirar sangue;
  • guia veterinário de bolso: contém informações úteis, como dosagens de medicação e como fazer um exame físico;
  • lanterna clínica: auxilia a iluminação nos exames clínicos;
  • materiais de escritório: tesoura comum, caneta e bloco de papel;
  • seringas e agulhas para injeções.

Você está se preparando para o vestibular? Então, pare um instante e conheça qual a nota de corte do curso de Medicina Veterinária!

Quais são os preços e onde encontrar?

Você conheceu uma relação completa de itens que compõem um kit de veterinária estudantil. Vale lembrar que você não precisa chegar com tudo isso no primeiro dia de aula.

O ideal é conversar com sua faculdade de Veterinária para saber o que realmente é preciso adquirir naquele semestre. Para que você tenha uma ideia, vamos deixar alguns valores de itens que acabamos de mostrar. Veja só:

  • kit de dissecação e cirurgia (com vários itens): a partir de R$ 150*;
  • estetoscópio: a partir de R$ 70*;
  • medidor de pressão: a partir de R$ 130*;
  • otoscópio: a partir de R$ 130*;
  • termômetro digital: a partir de R$ 25*.

Por falar em preços do kit de veterinária, também é bom descobrir quanto ganha um veterinário! Veja como essa carreira pode ser bem-paga.

Pronto para ser um veterinário de sucesso?

Esperamos que você tenha gostado de conhecer os materiais que compõem um kit de veterinária universitário. Ter uma ideia do que vai precisar ajudará muito em seu planejamento financeiro. 

E mais, não saia comprando materiais caros. Além de pesquisar esses itens facilmente pela internet e em lojas especializadas, uma dica é procurar estudantes de veterinária que tenham canais no YouTube e no Instagram, pois eles costumam comentar as marcas mais recomendadas para estudantes.

E aí, já decidiu que Medicina Veterinária é a profissão dos seus sonhos? Então, vem para a Anhanguera! Inscreva-se já no vestibular.

* Sujeito a alterações

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 3 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.