Em dúvida entre Biomedicina e Farmácia? Entenda as diferenças

estudante do curso de biomedicina e farmácia

A hora de escolher a faculdade costuma deixar muitos estudantes em dúvida, principalmente aqueles que estão em busca de uma profissão na área da Saúde. Isso porque, entre tantas opções de cursos, é preciso decidir aquele que tem mais a ver com seu perfil, concorda? Se você deseja poder atuar em setores diversos, cursar Biomedicina ou Farmácia é um bom caminho.

Pensando nisso, neste artigo, nós vamos contar tudo que você precisa saber sobre essas duas graduações. Elas são promissoras e excelentes para quem quer atuar no ramo da Saúde, mas não necessariamente dentro de hospitais ou atendendo pacientes. Por isso, continue lendo e descubra qual desses cursos é o ideal para você a partir da análise dos seguintes aspectos:

  • semelhanças no curso de Farmácia e de Biomedicina;
  • foco acadêmico e foco profissional;
  • quantidade de áreas de atuação;
  • ambiente de trabalho;
  • responsabilidades;
  • contato com o público.

Semelhanças no curso de Farmácia e de Biomedicina

Antes de escolher um curso superior, nada melhor do que saber como ele é, certo? Aqui na Anhanguera, tanto o curso de Biomedicina quanto o curso de Farmácia têm duração média de 4 anos. Você pode cursá-los na modalidade presencial e semipresencial. Além disso, ambos apresentam algumas disciplinas em comum, pelo fato de serem da mesma área.

Assim, seja para se tornar um farmacêutico ou para quem pretende se tornar um biomédico, matérias como Bioquímica, Biologia Molecular e Anatomia Humana, imprescindíveis para a formação básica de profissionais de saúde, serão estudadas. Porém, cada um dos cursos também tem suas disciplinas específicas, voltadas para a atuação profissional em Biomedicina ou em Farmácia.

Foco acadêmico e foco profissional

Os dois cursos têm disciplinas e laboratórios semelhantes e têm a Biologia e a Química como base para a maior parte dos conhecimentos teóricos e práticos desenvolvidos após a formação. Mas eles são destinados a setores específicos do mercado de trabalho e, por esse motivo, são focados em atividades diferentes.

Ao longo de sua formação, um biomédico tem mais contato com estudos voltados para o diagnóstico de doenças, realiza análises de amostras biológicas e utiliza a tecnologia para facilitar a descoberta de novos tratamentos.

Enquanto isso, quem estuda Farmácia tem mais conhecimento sobre princípios ativos que compõem os remédios, entende sobre as reações do corpo diante dos medicamentos e desenvolve habilidade para a elaboração de fórmulas que podem ser utilizadas para tratamento e prevenção de doenças.

Esses aprendizados refletem diretamente no tipo de trabalho que vai ser realizado por cada profissional e nos principais ramos de atuação disponíveis. Aliás, como alguns setores empregam tanto biomédicos quanto farmacêuticos, como hospitais e clínicas especializadas, o trabalho em equipe é algo comum para quem opta por uma dessas graduações.

Quantidade de áreas de atuação

Não tem jeito: saúde é algo de que todo mundo precisa, independentemente da idade ou de onde mora. Por isso, o mercado de trabalho para profissionais dessa área é amplo e vive em constante atualização, graças ao surgimento de novos equipamentos e de técnicas avançadas de tratamento.

Atualmente, segundo o Conselho Federal de Farmácia, existem 135 especialidades farmacêuticas, que vão desde a Farmacovigilância até o setor de Análises Clínicas. A Biomedicina, segundo o Conselho Federal de Biomedicina, apresenta 30 áreas de atuação, sendo que cada uma delas apresenta funções que podem ser realizadas pelos biomédicos, como Reprodução Humana e Biomedicina Estética.

Entre todas essas possibilidades, existem campos de atuação que são comuns às duas profissões. Quer saber quais são eles? Temos uma boa notícia: nós separamos as 10 principais para você. Confira logo abaixo!

  1. Banco de Sangue
  2. Bioquímica Clínica
  3. Imunologia
  4. Laboratórios de Análises Clínicas
  5. Saúde Pública
  6. Acupuntura
  7. Parasitologia Clínica
  8. Genética
  9. Biologia Molecular
  10. Toxicologia

Além dessas áreas, a carreira acadêmica também é uma oportunidade para as duas profissões. Por isso, se você pensa em se tornar um pesquisador ou ser professor de disciplinas de Biológicas em faculdades, é possível fazer uma especialização ou pós-graduação para atuar nesses segmentos.

É por conta dessa ampla gama de opções que os salários podem ser bem diferentes, sem contar a questão da experiência e dos anos de estudo. Porém, trouxemos alguns dados para compartilhar com você: saiba que a média salarial de um biomédico no país é de R$ 2.654,25, com teto de R$ 5.404,26, e de um farmacêutico, R$ 3.471,61, com teto de R$ 6.704,93.

Ambiente de trabalho

É comum imaginar que o dia a dia de todo profissional de saúde é igual, porém, a verdade é que nem sempre uma pessoa formada em Biomedicina ou Farmácia vai trabalhar exatamente no mesmo local.

No caso dos farmacêuticos, um dos setores em maior expansão é o trabalho em drogarias e em farmácias de manipulação. Porém, entre os mitos e verdades sobre Farmácia, um deles é que esse é o único setor de trabalho existente para esses profissionais.

Acredite: além dessas opções, também existem as farmácias hospitalares, que atendem os pacientes hospitalizados, e os laboratórios de análises clínicas. Outra possibilidade é o atendimento home care e a atuação no setor industrial, no qual os profissionais ficam responsáveis pelo desenvolvimento de novos fármacos.

Os biomédicos, por sua vez, trabalham principalmente em laboratórios, onde podem analisar amostras em busca de fatores que auxiliem no diagnóstico de infecções e na identificação de agentes causadores de doenças.

Além de compreenderem as causas das doenças, os biomédicos também desenvolvem pesquisas voltadas para o tratamento de enfermidades, realizam procedimentos de fertilização in vitro e trabalham em conjunto com outros profissionais para a elaboração de laudos médicos.

Responsabilidades

A rotina de um profissional de Farmácia ou de Biomedicina é repleta de responsabilidades associadas ao trabalho realizado. Ambos têm uma atividade em comum: estudar continuamente para que garantam a saúde dos pacientes envolvidos. 

Entretanto, os farmacêuticos, em geral, são mais encarregados de atitudes que envolvem a atenção farmacêutica. Trata-se do cuidado que eles devem ter para assegurar o uso correto de medicamentos, evitando a automedicação e promovendo a segurança medicamentosa.

Os biomédicos, por outro lado, buscam constantemente maior rigor nos diagnósticos realizados. Assim, eles tornam mais eficaz a atuação de médicos, de enfermeiros e demais profissionais envolvidos na cura ou no tratamento das doenças.

Contato com o público

Ainda que uma pessoa formada em Biomedicina possa trabalhar diretamente com os pacientes, seja em bancos de sangue, seja em clínicas específicas para tratamentos, normalmente os biomédicos têm um distanciamento maior do público.

Já os farmacêuticos, por atuarem em estabelecimentos que envolvem a distribuição, venda e administração de medicamentos, têm maior contato com o público. Porém, eles também trabalham em ambientes que não exijam tanta aproximação, como na elaboração dos fármacos ou em atividades de análise.

Como você viu, existem diferenças entre o curso de Farmácia e o curso de Biomedicina. No entanto, as duas são excelentes opções para quem busca uma carreira de sucesso na área da Saúde. Sendo assim, analise seu perfil profissional e veja qual desses cursos é o melhor para você.

Além disso, se tiver interesse em saber mais sobre uma dessas profissões, entre em contato conosco. A Anhanguera conta com a infraestrutura ideal para quem quer uma formação de excelência, e nós estamos ansiosos para conversar com você sobre seu futuro profissional.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.8 / 5. Número de votos: 23

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.