Saiba quanto ganha um arquiteto e aposte na profissão

estudante de arquitetura

Segundo pesquisa realizada pela start up nacional Archademy em 2021, plataforma focada no fomento das atividades do segmento de arquitetura, 80% dos arquitetos entrevistados disseram que a demanda de clientes por projetos cresceu. A evidente elevação pela procura de arquitetos demonstra valorização dos profissionais formados em Arquitetura e Urbanismo, mesmo em um período marcado por crise econômica.

Fato que reforça essa teoria é o reajuste salarial previsto para 2022. Em algumas localidades, superou os índices da inflação estabelecidos pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), e houve melhora real da remuneração. Para saber mais detalhes sobre quanto ganha um arquiteto, não deixe de ler o artigo até o final.

YouTube video

Qual é o salário de um arquiteto?

Responsável pela criação de projetos para casas, estabelecimentos comerciais, edifícios, condomínios, entre outros, o arquiteto tem média salarial de R$ 5.813,78*.

O salário dos profissionais formados no curso de Arquitetura e Urbanismo e com registro no Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU) é definido pela Lei 4.950-A/66, promulgada em 1966.

A legislação estabelece que a remuneração de um arquiteto deve ser orientada em conformidade com o valor do salário mínimo vigente e de acordo com o expediente diário. O decreto estipula a seguinte correspondência:

  • Jornada de trabalho de seis horas: 6 salários mínimos;
  • Jornada de trabalho de sete horas: 7,25 salários mínimos;
  • Jornada de trabalho de oito horas: 8,25 salários mínimos.

Mesmo com o salário-base estipulado legalmente, o piso salarial — valor mínimo de referência dos vencimentos recebidos por um profissional no mercado de trabalho —, varia dependendo da região. A cotação referência pode ser estabelecida e revisada por convenções coletivas, por intermédio de sindicatos.

Quem pretende trilhar carreira no ramo da Arquitetura e do Urbanismo deve estar ciente de que a graduação propicia múltiplas alternativas e, portanto, a diferentes cotações entre as especialidades.

Quanto ganha o arquiteto em diferentes áreas?

De acordo com o site Salário.com, com base nos dados coletados entre dezembro de 2020 e novembro de 2021, do Ministério do Trabalho e Previdência, as principais especialidades dentro da Arquitetura e Urbanismo recebem os seguintes valores.

Arquiteto urbanista

Integrante da equipe de obras responsável por planejar e criar o projeto físico, o arquiteto urbanista tem um salário médio de R$ 5.813,78*. O ofício, também, exige aptidão para mensurar os impactos da obra na perspectiva social da comunidade; por isso, o arquiteto deve seguir à risca os preceitos descritos nas legislações.

Arquiteto de edificações

Encarregado da execução da obra e da coordenação operacional de uma construção, o arquiteto de edificações ganha em média R$ 5.604,52*.

A função demanda capacidade de gestão da obra, desde o controle de gastos e de materiais até o cumprimento de prazos e de metas. Requer também capacidade de gerenciamento, uma vez que o profissional terá de lidar tanto com a equipe operacional quanto com o quadro de engenheiros do empreendimento.

Arquiteto de patrimônio

O profissional dedicado ao reparo das construções tem o objetivo de preservar a identidade histórica de uma propriedade. Com embasamento técnico em restauração, o arquiteto exerce um trabalho voltado à manutenção da integridade de uma construção. Incumbido de pensar em melhorias no âmbito da conservação, o arquiteto de patrimônio recebe em média R$ 5.425,64*.

Arquiteto paisagista

Para ocupar essa posição, o arquiteto precisa compreender o equilíbrio harmônico entre o edifício e o ambiente natural. O paisagista deve priorizar recursos que permitam o enaltecimento do espaço verde no imóvel. Idealizador de jardins e de parques, públicos e privados, o arquiteto paisagista tem vencimentos de, em média, R$ 3.893, 36*.

Urbanista

Trabalha de acordo com as premissas determinadas nos planos diretores das cidades. Todo o delineamento em torno da estrutura do município é projetado por esse profissional. Formatação de ruas e de avenidas, bem como a disposição sobre a ocupação do solo está entre as funções do urbanista. Atualmente, um urbanista tem média salarial de R$ 4.779,14*.

Arquiteto de interiores

Visualizar a decoração a partir da concepção de um projeto. O trabalho de um arquiteto de interiores, cuja média salarial é de R$ 4.872,77*, dispõe o propósito de planejar um espaço que proporcione comodidade, sendo prático e funcional.

Como crescer na carreira de arquiteto e ganhar mais?

O arquiteto está apto a trabalhar em empreiteiras, construtoras, órgãos públicos e no âmbito da decoração. A trajetória pode seguir variados caminhos, mas, já no início do exercício profissional, consegue conquistar uma boa remuneração. Para alcançar o teto salarial, as chances ficam mais abrangentes quando o arquiteto busca competências presentes nas instâncias da pós-graduação e de cursos de especialização.

Antes de visar uma escalada na área, o interessado em se qualificar como arquiteto precisa realizar o vestibular de Arquitetura e Urbanismo e iniciar a sua graduação.

Para se dar bem no mercado de trabalho, não basta escolher qualquer instituição. Saber quanto custa uma faculdade de Arquitetura é importante, porém nem tudo se resume a custo. O futuro estudante deve optar por uma instituição com credibilidade no mercado.

E como Anhanguera me ajuda a realizar o sonho da faculdade?

Mais do que ofertar condições especiais de entrada, a Anhanguera conta com um corpo docente gabaritado. Os professores desenvolvem as potencialidades dos alunos por meio da utilização de recursos digitais inovadores. Os acadêmicos acompanham de perto a jornada dos aprendizes, por meio da integração da teoria com a prática.

Ainda durante o Bacharelado, o discente pode começar a percorrer novos horizontes. A Anhanguera tem o Canal Conecta, portal exclusivo de classificados de empregos e de estágios que reúne oportunidades de trabalho em empresas parceiras.

Além da modalidade presencial, a Anhanguera traz a faculdade de Arquitetura EAD, no formato semipresencial. Mais flexibilidade para sua rotina!

Outros diferenciais exclusivos são:

  • formas de ingressos facilitadas, desde de vestibular 100% online, uso da nota do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), transferência externa e isenção de vestibular;
  • bolsas e descontos para abater o preço das mensalidades;
  • Trilhas de Carreira, cursos online e com certificado para dar um up no currículo.

Pronto para seguir carreira em Arquitetura?

Gostou de saber quanto ganha um arquiteto em suas diferentes funções? Os salários são atrativos e, com uma boa formação superior, você abre portas para diversas oportunidades.

Não perca mais tempo: inscreva-se já no vestibular da Anhanguera e comece a conquistar o seu sonho!

* Sujeito a alterações

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.1 / 5. Número de votos: 25

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registered successfully
Oops! Invalid email, please check if the email is correct.
Oops! Invalid captcha, please check if the captcha is correct.