Saiba quanto ganha um arquiteto e aposte na profissão

estudante de arquitetura

Definir uma carreira e preparar-se para o futuro é sempre importante. Se você já se perguntou quanto ganha um arquiteto, deve ter interesse pela área e precisa conhecer alguns detalhes dessa profissão que chama a atenção de muitas pessoas.

Entender em quais áreas o profissional de Arquitetura e Urbanismo pode atuar é interessante para descobrir quais representam suas aspirações. E informar-se sobre a diversidade de salários que o mercado de trabalho brasileiro oferece para quem é arquiteto também faz parte disso.

Continue a leitura e descubra o que faz e qual é o salário do arquiteto e urbanista!

O que faz um arquiteto?

Engenheiro ou arquiteto, qual é a diferença? No ramo da Construção Civil, essas profissões são muito confundidas, mas a Arquitetura difere-se dessa carreira em diversas atribuições. No entanto, muitas vezes, o profissional atua em parceria com esse profissional.

O arquiteto é o responsável pela criação de projetos para casas, estabelecimentos comerciais, edifícios, condomínios, entre outros. O objetivo do trabalho é organizar e planejar áreas externas e internas dos mais variados ambientes.

Os projetos desenvolvidos pelos arquitetos devem obedecer a uma arquitetura funcional que ofereça conforto, seja esteticamente bonita e não prejudique o meio ambiente. O maior trunfo desses profissionais é proporcionar harmonia entre ventilação, iluminação e móveis.

Em uma construção, o arquiteto deve comunicar-se com as todas as partes responsáveis para definirem uma proposta que atenda às necessidades e às exigências dos clientes. Dessa forma, os profissionais conseguem escolher e determinar os melhores materiais que serão utilizados no projeto.

Quais são as possibilidades de atuação?

O arquiteto é um profissional generalista que pode atuar em diversas áreas dentro da profissão. Por isso, é importante buscar uma graduação que ofereça uma formação abrangente, garantindo conhecimentos teóricos e práticos.

Aqui na Anhanguera, além de formas de ingresso facilitadas, você encontra tudo isso e ainda conta com laboratório, sala de desenho e atelier de projetos que dão uma visão ampla da rotina do arquiteto. Confira algumas possibilidades de atuação e entenda como a carreira do profissional é bastante ampla.

Paisagismo

O profissional dessa área é contratado para a construção de espaços como parques e jardins, tanto no setor público quanto no privado. Também é possível especializar-se na elaboração de sacadas, de fachadas e até de pequenos ambientes verdes dentro de shoppings, casas e apartamentos.

Restauro de edifícios

Nessa área, o arquiteto recupera construções muito antigas ou que estejam deterioradas. Para isso, é importante entender algumas técnicas e ter conhecimentos em restauro para manter as características originais e a integridade dos monumentos.

Acompanhamento de obras

O arquiteto pode trabalhar com a combinação dos elementos necessários para a realização de uma obra, de forma a controlar os gastos e cumprir os prazos. O profissional também é responsável por escolher e receber os materiais, além de ter a função de definir soluções criativas aos problemas.

Planejamento urbano

Essa carreira está relacionada aos espaços urbanos. O arquiteto pode planejar bairros e espaços nas cidades, pensando em construções harmônicas entre si e com o meio ambiente. Também é possível ocupar cargos que fazem a regulamentação dos projetos arquitetônicos da região e conceder permissões às edificações.

Consultoria

Os arquitetos que trabalham com consultoria apresentam soluções, sugerem novos projetos, tiram dúvidas, compram móveis, realizam o design de interiores, entre outras funções que fazem parte desse universo. De forma geral, os consultores são mais rápidos e práticos do que o atendimento convencional, o que facilita a prospecção de novos clientes e permite oferecer valores mais acessíveis.

Design de móveis

Essa é uma boa área para aqueles que se identificam com o design. O arquiteto que segue por ela é responsável tanto pela elaboração dos mobiliários e dos objetos quanto pelo atendimento das solicitações dos clientes, desenvolvendo novidades para a arquitetura de interiores.

Qual é o piso salarial de um arquiteto?

Para atuar na área, é necessário fazer um curso de Arquitetura e Urbanismo e ter registro no Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU). De acordo com a Lei 4.950-A/66, o salário do arquiteto é baseado no salário mínimo vigente e na carga horária de trabalho, sendo:

  • jornadas de 6 horas: 6 salários mínimos;
  • jornadas de 7 horas: 7,25 salários mínimos;
  • jornadas de 8 horas: 8,5 salários mínimos.

Para quem se pergunta quanto ganha um urbanista, a regra é a mesma. No entanto, é importante ter em mente que esses valores podem variar bastante de acordo com a experiência do profissional e a fase da carreira.

Em média, um arquiteto recém-formado recebe R$ 3.862,60 mensais para uma jornada de trabalho de 37 horas semanais. A área que mais se destaca em termos salariais é a Arquitetura de Edificações, com média de R$ 6.195,26.

Quem opta por estudar na Anhanguera tem acesso ao Canal Conecta. O portal reúne empresas, estudantes e profissionais de diversas áreas e oferece as melhores vagas aos nossos alunos.

Onde o arquiteto pode trabalhar?

O arquiteto pode atuar de forma autônoma. O profissional autônomo trabalha com total autonomia e independência enquanto prestador de serviços. Com isso, ele não tem nenhum vínculo empregatício com as empresas que contratem o seu trabalho.

O profissional de Arquitetura e Urbanismo também pode atuar em construtoras. Nesse caso, ele trabalha diretamente em parceria com outros profissionais do setor da Construção Civil. Essas empresas são responsáveis pela realização do projeto arquitetônico e contratam mão de obra, equipamentos, máquinas etc.

O escritório de arquitetura é um importante ambiente de trabalho para o arquiteto. Nesse local, o profissional elabora projetos para quem deseja construir uma casa, uma fachada ou simplesmente fazer uma reforma. É possível ser funcionário do escritório ou abrir o seu próprio negócio.

Agora que você sabe quanto ganha um arquiteto, precisa entender que a criatividade é uma característica muito reconhecida na área. Não é à toa que os profissionais mais renomados se destacaram por causa da novidade nos projetos. Mas não se preocupe, pois a inspiração também pode vir por meio de muito trabalho.

Gostou do conhecer mais sobre essa carreira e ainda está na dúvida sobre fazer uma faculdade? Então, complemente a leitura e entenda como o ensino superior pode definir as melhores oportunidades no mercado de trabalho!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.4 / 5. Número de votos: 8

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.