O que faz um Técnico em Administração? Confira 7 funções desse profissional!

Mulher fazendo apresentação

Você sabe o que faz um técnico em Administração? Esse profissional apresenta funções que muitas pessoas nem imaginam. Por esse motivo, quem deseja seguir carreira na área deve entender quais as formas de atuação da profissão.

Esse é o seu caso? Então este post é para você! Aqui, você entenderá 7 atribuições do técnico em Administração. Confira!

O que é um técnico em Administração?

Para começar, vale a pena saber o que é um técnico em Administração. Ele é o profissional ao nível técnico responsável por executar tarefas burocráticas do setor administrativo de uma companhia.

Mulher segurando notebook em frente a colegas em reunião

Além disso, ele tem olhar treinado para buscar as falhas e as oportunidades do negócio, ajudando os tomadores de decisão nas melhorias necessárias para o crescimento da empresa.

Assim, o técnico administrativo é uma figura imprescindível em uma organização, atuando como base de apoio para as atividades administrativas.

O que faz um técnico em Administração?

Agora que você já sabe o que é um técnico em administração, é hora de descobrir o que ele faz.

A seguir, confira 7 funções desse profissional!

1. Tarefas operacionais

O técnico em Administração é responsável pela parte operacional da empresa, podendo atuar em diversos departamentos, gerindo pessoas, custos e operações. Desse modo, ele:

  • agenda entregas;
  • organiza as contas a receber e a pagar;
  • monitora o estoque;
  • zela pelo relacionamento com o cliente.

Além disso, ele deve estar por dentro das métricas a fim de ajudar a controlá-las, como a rotatividade de funcionários e os atrasos na logística. Dessa maneira, o técnico de administração precisa ser bem informado sobre o que acontece na empresa para extrair dados e repassá-los aos responsáveis estratégicos.

Pessoa segurando lápis em cima de papeis com gráficos

2. Suporte a outros profissionais 

Como você viu, o técnico em Administração repassa os dados importantes a outros profissionais. Desse modo, uma das suas funções é auxiliar os colaboradores de hierarquias superiores do setor administrativo.

Nesse caso, o técnico atua com um tipo de braço direito do seu líder que, por sua vez, tende a ser uma pessoa com ensino superior no curso de Administração de Empresas. Assim, o profissional desempenha funções que contribuem para as tomadas de decisão e elaboração de estratégias mais acertadas.

3. Elaboração de relatórios

A parte administrativa de um negócio necessita de diversos relatórios. Afinal, é a partir da análise desses documentos que os tomadores de decisão podem planejar e executar ações que solucionam problemas ou trazem melhorias para a empresa.

Nesse cenário, o técnico em Administração é responsável pela elaboração desses relatórios, que podem ser de vendas, de custos, de desempenho etc. Como esse profissional tem conhecimento suficiente, ele prepara o material de forma adequada.

4. Gerenciamento de arquivos da empresa

Em uma empresa, é comum que se tenha muitos dados e contratos sigilosos que requerem muito cuidado para organização e armazenagem. Afinal a preservação das informações é fundamental para manter a legalidade do negócio.

Nesse sentido, o técnico administrativo tem a missão de gerenciar e organizar esses arquivos, especialmente contratos importantes e comprovantes de pagamento. Entre os documentos que o profissional deve manter sob sua tutela estão:

  • notas fiscais;
  • IPVA;
  • IPTU;
  • declarações contábeis;
  • contratos de trabalho;
  • recolhimento da contribuição para o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) dos funcionários.

5. Tarefas burocráticas

Embora as tarefas desempenhadas pelo técnico administrativo sejam mais simples, elas são de fundamental importância para manter a empresa em ordem. Entre essas atividades essenciais estão as mais burocráticas, como dar entrada em notas fiscais no centro de distribuição ou emitir guias de pagamento.

Além disso, é possível citar outras funções pouco conhecidas, mas indispensáveis, executadas pelo técnico em Administração, como:

  • logística de entrega;
  • levantamento de dados para elaboração de relatórios e outros documentos;
  • controle e revisão da folha de pagamento.

6. Marketing

Além de desempenhar atividades diretamente ligadas à administração da empresa, o técnico administrativo executa tarefas relacionadas ao marketing. Nesse cenário, o técnico em Administração é responsável por reconhecer o mercado, analisar o comportamento dos consumidores e montar estratégias para atrair os clientes.

Isso é possível porque a formação desse profissional é bem generalista, habilitando em diversos setores da empresa que envolvem gestão, e isso inclui o marketing. Aliás, essa é uma disciplina recorrente na grade curricular do técnico em Administração, sabia?

7. Vendas

Outra atividade que um técnico administrativo pode desempenhar em uma empresa é a venda. Afinal, o profissional pode atuar como gestor comercial, coordenando as equipes de venda e definindo as estratégias comerciais.

Assim, entre as atividades desempenhadas pelo técnico de Administração no setor de vendas estão:

  • elaboração de propostas comerciais baseadas nas orientações dos vendedores;
  • contactar clientes;
  • enviar amostras de produtos, catálogos e outros materiais promocionais aos clientes;
  • responder e-mails.

Qual é a diferença entre técnico em Administração e um administrador?

Entendendo as funções de um técnico em Administração, é possível que você tenha dúvidas sobre a diferença entre esse profissional e um administrador de empresas. Adivinhamos?

Calma que a gente já explica o que difere um profissional de outro: a formação! Enquanto um técnico em Administração faz um curso a nível técnico, o administrador cursa o bacharelado.

Além disso, as funções desempenhadas por cada profissão são diferentes. De modo geral, o administrador de empresas ocupa cargos mais estratégicos e requerem tomadas de decisão. Já o técnico administrativo assume tarefas menos complexas, mas muito importantes e servem como apoio nos setores.

Como ser um administrador de empresas?

Como você viu, um administrador de empresas é a pessoa que estudou um bacharelado. Sendo assim, se você se interessou pela área, mas gostaria de ter ensino superior, esse é o curso ideal!

Mesmo que não tenha tempo de estudar presencialmente, você pode fazer Administração EAD (Educação a Distância). Nessa modalidade, disponibilizada pela Anhanguera, o estudante tem flexibilidade para cursar de onde estiver e quando puder.

Mas não se engane! Embora seja um curso online, a qualidade dele é impecável, assim como o presencial. Além disso, o diploma tem a mesma validade, já que o curso é reconhecido pelo MEC (Ministério da Educação).

No entanto, se você preferir estudar presencialmente, a Anhanguera também oferece a modalidade convencional. Legal, hein?

Gostou de saber o que faz um técnico em Administração? Como dissemos, esse profissional desempenha funções fundamentais em uma empresa. Agora, se você quer a área administrativa, mas ao nível superior, não pode deixar de contar com a Anhanguera para a sua formação!

E aí, curtiu a ideia de ser um administrador de empresas? Faça a sua inscrição no vestibular online e venha fazer da Anhanguera!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4 / 5. Número de votos: 5

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registered successfully
Oops! Invalid email, please check if the email is correct.
Oops! Invalid captcha, please check if the captcha is correct.