Entrevista coletiva de emprego: como funciona e como se sair bem?

entrevistacoletivadeempregocomofuncionaecomosesairbem

O Brasil acaba de passar por uma crise econômica bastante agressiva que culminou no desemprego de boa parte da população. Agora, em tempos de recuperação, novas vagas começam a surgir e o grande volume de candidatos tem levado as empresas a adotarem a entrevista coletiva com maior frequência.

Para quem está em busca de uma recolocação no mercado de trabalho, é fundamental conhecer as diferentes metodologias de avaliação. Assim é mais fácil se preparar adequadamente para cada etapa dos processos seletivos.

Neste artigo, você vai aprender o que é uma entrevista coletiva, como ela funciona e o que fazer para se sair bem e conquistar a tão sonhada vaga de emprego. Não deixe de conferir!

O que é uma entrevista coletiva de emprego?

A entrevista coletiva de emprego é um formato de avaliação realizada em grupo, no qual vários participantes do processo seletivo interagem entre si sob a observação dos recrutadores. Normalmente, é uma das fases iniciais do processo, onde o número de candidatos precisa sofrer uma redução mais acentuada. Muitas pessoas conhecem essa etapa como “dinâmica de grupo”.

Como as entrevistas coletivas funcionam?

Cada processo de seleção funciona de uma forma, mas existem características comuns em entrevistas coletivas. A primeira delas é que a maior parte do grupo formado não seguirá para a próxima etapa, por isso cada detalhe importa.

Outro ponto de atenção é que, apesar de as atividades serem realizadas em grupo, a avaliação dos candidatos é individualizada. Isso acontece por meio de técnicas específicas do setor de RH, que planeja os testes com base nas habilidades e comportamentos que pretendem analisar.

Quais são os objetivos de uma entrevista coletiva?

A dinâmica de grupo tem dois objetivos principais: otimizar o processo seletivo e avaliar características comportamentais dos candidatos. Veja o detalhe sobre cada um deles.

Otimizar o processo seletivo

Ao dar início a um processo seletivo, a empresa recebe uma quantidade bem grande de candidatos. A primeira etapa da seleção acontece na análise curricular, que verifica, principalmente, alguns requisitos técnicos relevantes para o cargo a ser ocupado.

No momento seguinte, é preciso conhecer melhor cada participante, mas, individualmente, isso tornaria o processo muito extenso. Assim, a entrevista coletiva consegue economizar tempo e esforço do time de recrutamento ao proporcionar uma avaliação em grupo.

Os candidatos que apresentarem menor compatibilidade com o que a empresa precisa são eliminados, restando apenas aqueles com maior potencial para o preenchimento da vaga.

Avaliar questões comportamentais dos candidatos

Além da redução mais acentuada na quantidade de candidatos, a entrevista coletiva permite analisar o comportamento de cada indivíduo diante de uma situação específica. As atividades podem simular uma situação do cotidiano da empresa ou trazer elementos diferenciados, mas que evidenciem a forma como cada um deles está propenso a agir em casos reais.

Em muitas situações, não existem respostas certas ou erradas para os problemas propostos. É a forma como a solução é buscada e encontrada que determina se o candidato tem ou não afinidade com a vaga disponível.

Como se sair bem em uma entrevista coletiva de emprego?

Depois de entender melhor o que é e como funciona uma entrevista em grupo, veja o que você precisa fazer para se dar bem em sua próxima oportunidade.

Prepare-se antes de ir à entrevista

A preparação para a entrevista é um ponto-chave para seguir no processo seletivo. O primeiro passo é pesquisar sobre a empresa que está oferecendo a vaga. Por isso, visite seu site suas redes sociais, veja o que ela vende, quem são seus clientes e qual o foco do negócio.

Não se esqueça de verificar as informações do cargo em questão. Saiba quais são as atribuições e responsabilidades a serem assumidas, como essa vaga se encaixa em seu plano de carreira e como suas experiências profissionais anteriores podem contar como pontos positivos.

Acima de tudo, seja pontual. Atrasos causam a impressão de desleixo e desorganização, e, com certeza, isso vai tirar pontos na sua avaliação.

Aja com inteligência emocional

Ao contrário do que muitos pensam, inteligência emocional não é uma questão de não sentir raiva ou de não ficar nervoso, mas sim de saber lidar com todos esses sentimentos quando eles surgem. Não é uma tarefa fácil, mas demonstra resiliência e adaptabilidade, duas características muito valorizadas atualmente pelas empresas.

Se você é do tipo de pessoa que se altera com facilidade, busque ajuda para se estabilizar e ter mais tranquilidade para enfrentar o processo seletivo. Você pode começar a praticar meditação, ioga ou buscar um profissional da Psicologia como formas de melhorar o autocontrole e a saúde mental.

Comunique-se de forma não violenta

A comunicação não violenta é fundamental realizar uma boa entrevista de emprego coletiva. Será necessário interagir com outras pessoas de forma harmônica e saudável. O foco, ao ponderar uma ideia, deve na compreensão do seu significado e não na aceitação a qualquer custo.

Para isso, não basta ser gentil e educado, mas é preciso dar espaço para que os outros colaborem. Ouvir, nesses casos, é muito mais importante do que falar. Uma comunicação mais receptiva vai ajudar em sua avaliação frente aos recrutadores que verão sua capacidade de integração e interação — mas isso não significa que deve ficar em silêncio o tempo todo, ok? Afinal, o contrário também pode mostrar que você é acomodado.

Demonstre comprometimento e colaboratividade

Por fim, a dinâmica em grupo é um teste onde todos são concorrentes, mas que, ao mesmo tempo, precisam colaborar entre si para que o objetivo da tarefa seja cumprido. Portanto, é necessário demonstrar comprometimento e atuar de forma colaborativa.

As pessoas que ganham destaque em testes dessa natureza não são as que mais falam ou as que mais fazem, mas, sim, as que muito contribuem para a solução do problema proposto. Isso requer uma visão ampla e receptiva em relação à situação e uma vontade de vencer aquele desafio, em vez de se mostrar melhor que os demais concorrentes.

Como você pôde ver, a entrevista coletiva de emprego não é nenhum bicho de sete cabeças. Seguindo as dicas deste artigo fica muito mais fácil de vencer essa etapa e conquistar a vaga de emprego que precisa. Então, esteja preparado para enfrentar seus novos desafios!

O que achou das dicas deste post? Interessantes, não é mesmo. Então, que tal acompanhar outras dicas e informações diretamente nas suas redes sociais? Siga a Anhanguera no Facebook, YouTube, LinkedIn e Twitter e não perca os próximos conteúdos!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.6 / 5. Número de votos: 18

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content