O que é Biotecnologia e como atuar na área? Descubra aqui

Biotecnologia

A biotecnologia é uma das áreas imprescindíveis para diversos campos da nossa sociedade, desde a medicina até a culinária e estética. Diante de tantas possibilidades e de uma profissão em expansão, o curso de Biotecnologia formará um profissional capaz de atuar em diversos campos, como o da indústria e o de pesquisas.

No entanto, até alguns anos atrás, essa vertente de estudos era uma especialização que os profissionais de outras áreas faziam. Por isso, a graduação de Biotecnologia ainda é recente, ou ofertada como Engenharia Biotecnológica.

Então, devido à expansão e à importância dessa área, confira um post completo com as principais informações sobre esse campo de atuação. Vamos lá?

O que é Biotecnologia?

A Biotecnologia é a união entre tecnologia e sistemas biológicos. Ou seja, trata-se de inovações aplicadas em organismos vivos para desenvolver ou melhorar produtos ou substâncias. A intenção é sempre aperfeiçoar a maneira como vivemos e aprimorar os recursos que utilizamos.

Quando surgiu a Biotecnologia?

Desde 6.000 a.C. já se trabalhava com processos de fermentação natural para a fabricação de bebidas alcoólicas, iogurtes, pães e queijos, sendo essa a forma mais antiga de biotecnologia que se tem registro.

Mais tarde, conforme foram surgindo novos equipamentos e pesquisadores, essa ciência também foi melhorada. Um exemplo disso foi o pesquisador Anton Van Leeuwenhoek que, no século XVII, descobriu que, na verdade, os causadores da fermentação eram microrganismos. Essa descoberta foi graças ao microscópio.

Anos mais tarde, novas descobertas foram feitas pela Biotecnologia, como a penicilina em 1928 e os estudos em genética. Então, quando você pensar em Biotecnologia, não acredite que é somente uma inovação da atualidade e que é rodeada por computadores e equipamentos de última geração.

Como funciona essa área?

A faculdade de Biotecnologia pode ser encontrada em Bacharelado, com duração de quatro anos ou cinco anos, ou superior tecnólogo — com duração de dois anos. Além disso, essa é uma área que abrange a física, a química, a engenharia e a matemática.

Portanto, você precisa estar disposto, e gostar, de aulas em laboratórios, pesquisas e estágios em diversas áreas — que são obrigatórios, assim como o TCC (Trabalho de Conclusão de Curso).

Outro fato interessante sobre a área da Biotecnologia é que profissionais com formações diferentes também pode atuar nela, desde que tenham tido contato com matérias relacionadas ou façam algum tipo de especialização. Esse é o caso das áreas em Ciências Biológicas ou Biomedicina.

No caso de Ciências Biológicas, você terá muitos conteúdos relacionados com a bioquímica, engenharia química, fármacos e áreas relacionadas. Na faculdade de Biologia, a mesma coisa, ou seja, você terá contato com matérias que também são passadas em Biotecnologia.

Por que ela está em alta?

Como dito, a Biotecnologia é uma área que abrange outras e é de extrema importância para a sociedade. Um exemplo disso é o setor alimentício. Não é novidade que a população mundial está em expansão, sendo necessário alimentar e nutrir todas essas pessoas, mesmo com os recursos finitos que temos.

Nesse sentido, os biotecnólogos têm grandes missões de estudos nos setores de medicamentos, conservação de alimentos e de espécies, biocombustíveis, melhoramento genético e tudo aquilo que é relacionado às necessidades humanas.

Essas oportunidades de carreira e de tendência se destacam nas regiões de Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Paraná e São Paulo. Já nas regiões Norte, Centro-Oeste e Nordeste, ela ainda está em crescimento.

Programas governamentais

Além da alta expansão e da demanda por profissionais biotecnólogos, o governo vem investindo em bioeconomia e incentivando a área da Biotecnologia.

Uma das medidas é o Fundo Setorial de Biotecnologia, que busca incentivar a capacitação no setor e a promoção de mais pesquisas. Além disso, o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações afirma que esse fundo tem o objetivo de estimular investimentos e tecnologias para que empresas grandes e consolidadas no mercado movam estudos na área.

Outro tipo de incentivo, um pouco mais antigo, é que, desde 2007, a Biotecnologia é considerada uma prioridade estratégica no Brasil pelo Decreto 6.041. A partir disso, foi instaurada a Política de Desenvolvimento da Biotecnologia.

Quais são as oportunidades de atuação da Biotecnologia?

As áreas de atuação e os tipos de Biotecnologia são classificados por cores. Cada cor apresenta um campo em que você poderá atuar.

Dito isso, os campos de atuação da Biotecnologia são:

  • vermelho: medicina humana e animal;
  • branco: processos industriais;
  • azul: biomas e fundo do mar;
  • cinza: processos ambientais, preservação do solo e reaproveitamento de resíduos;
  • marrom: formas de vida em locais inóspitos, como o deserto;
  • verde: processos da agricultura, fertilização, plantações e controles de pragas;
  • amarelo: alimentação e nutrição;
  • dourado: nanotecnologia e bioinformática;
  • roxo: processos de propriedade intelectual, éticos, morais e regulamentações;
  • laranja: desenvolvimento de conteúdos educativos para a disseminação da biotecnologia;
  • preto: armas biológicas e estudo de controle do bioterrorismo.

Como atuar em Biotecnologia?

Para atuar em Biotecnologia, você pode ser tanto um concursado quanto um funcionário da rede privada em grandes e consolidadas corporações. As áreas mais aquecidas para se trabalhar são:

Dentro desses campos de estudo, você poderá ser o responsável por estudos relacionados ao melhoramento de bioprocessos, como maneiras de produzir mais gastando menos recursos, estudos de melhoria genética, desenvolvimento de produtos cosméticos sem a necessidade de fazer testes em animais e até mesmo desenvolvimento de novos medicamentos.

Qual é a importância da faculdade de Biotecnologia?

Não é novidade que a conclusão do ensino superior é fator de empregabilidade. Com a escassez de emprego em algumas áreas e o aumento da concorrência, destaca-se o profissional que tem mais qualificação para o cargo.

Sendo assim, a faculdade de Biotecnologia é importante para que você tenha não apenas o diploma em suas mãos, mas a comprovação de conhecimentos técnicos para atuar no campo escolhido. Ah! E não pense que parar por aí é o suficiente! Diversas vagas exigem pós-graduações, mestrados e qualificações específicas. E, na sua jornada, não deixe de contar com a Anhanguera para construir o seu futuro!

Faça Biotecnologia na Anhanguera!

A Biotecnologia, como vimos, é uma área essencial desde o setor alimentício até o de negócios. Além de ser um campo de atuação em expansão no Brasil e no mundo, é uma área cheia de oportunidades e que recebe incentivos governamentais. Logo, se faz parte do seu plano de carreira, não deixe de investir em uma boa faculdade.

Pronto para construir a sua carreira em biotecnologia com a Anhanguera? Acesse a página de inscrição para o vestibular!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.6 / 5. Número de votos: 38

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registered successfully
Oops! Invalid email, please check if the email is correct.
Oops! Invalid captcha, please check if the captcha is correct.