Perfil profissional: qual deles é o seu?

mulher se apresentando conforme o seu perfil profissional

Uma coisa é fato: todo mundo tem qualidades profissionais. Então, por que tanta gente se sente desmotivada, insatisfeita ou sofre para apresentar os atributos e corresponder à expectativa que chefe e colegas depositam no seu trabalho? Se você já se perguntou isso e não encontrou resposta, pode ser que tenha a ver com o seu perfil profissional.

Ele diz respeito ao conjunto de aptidões, de vocações e de habilidades que você desenvolve naturalmente, e como elas podem ser canalizadas para desempenhar uma função. Ou seja, o autoconhecimento é o ponto de partida para uma rotina profissional mais feliz e bem-sucedida, baseada em atividades que estejam de acordo com o seu perfil.

A ideia deste texto é permitir que você consiga examinar suas próprias inclinações e, conhecendo os perfis mais comuns, selecionar uma profissão mais adequada para o seu perfil profissional. Veja quais são os tipos que a Anhanguera separou e tente compreender melhor para o que você leva jeito:

  • líder;
  • executor;
  • comunicador;
  • planejador;
  • competitivo;
  • procrastinador;
  • explosivo.

Líder

Se todo profissional é melhor quando decide fazer o que ama, para o líder, isso é um verdadeiro imperativo. Afinal, ele deve não apenas estar motivado, mas inspirar e contaminar as outras pessoas com essa motivação.

Há uma contradição interessante quando falamos sobre o perfil de líder. Ao mesmo tempo em que papéis de liderança atraem pessoas egocêntricas e sedentas de poder, é justamente o oposto disso que se espera do líder. Ele precisa saber dividir (tarefas, críticas e elogios) e evitar a todo custo concentrar poder em torno de si ou ficar o tempo todo nos holofotes.

Paciência, ética, espírito de liderança e tranquilidade em situações de pressão são qualidades importantíssimas para quem pretende ocupar lugares de liderança nas empresas.

Executor

O executor é o popular “mão na massa”. Para esse tipo de perfil profissional, quanto mais claros forem as metas e os objetivos, melhor. Afinal, ele costuma ser incansável e acredita na organização do trabalho e na disposição física e mental como forma de superar obstáculos.

Trata-se da pessoa ideal para as áreas operacionais e tem muita facilidade de conseguir soluções práticas e rápidas para aqueles problemas que todo mundo considera insolúveis.

Por outro lado, não é muito dado a divagações ou excesso de teoria. Em áreas em que isso é necessário, vai ser comum ver executores extremamente entediados.

Comunicador

O comunicador poderia ser chamado também de “agregador”, pela sua capacidade de solucionar controvérsias. Ele tem uma visão privilegiada: em uma negociação, encontra soluções que agradem às duas partes e, não à toa, esse perfil está sempre envolvido com atividades de prospecção, de vendas e de consultoria.

Muitos líderes são comunicadores, e também é comum que esse perfil acabe subindo na hierarquia das empresas. Isso acontece justamente porque os comunicadores se apresentam a clientes e a parceiros da melhor forma possível, inspirando confiança e segurança.

Planejador

Se você adora planilhas, costuma ser metódico e tem a habilidade de enxergar etapas simples em processos complexos, parabéns: você é um planejador.

Há várias vantagens que esse perfil pode compartilhar com outros em uma empresa. Ele sabe traçar metas e objetivos, cada qual com um tempo para ser cumprido. Também é o planejador que torna qualquer ação mais objetiva, porque ele tem a capacidade de enxergar como sair de um ponto e ir a outro da maneira mais rápida, por mais tortuoso que o caminho pareça ser.

Outra vantagem desse perfil é que ele não se limita a nenhum setor específico. Todas as áreas de uma empresa precisam de um planejador e beneficiam-se da atuação dele.

Competitivo

Não necessariamente ser competitivo deve ser algo ruim. Há todo tipo de disputa e competição acontecendo nas organizações, e o importante é que elas não sejam transformadas em rusgas ou levadas para o lado pessoal.

O competidor gosta de disputar até consigo mesmo. Ele tenta quebrar recordes e estabelecer padrões cada vez mais altos de entrega — não medindo esforços para isso. Quase sempre, os bons competidores enxergam nos seus rivais uma motivação, e não um inimigo.

Inclusive, você ainda vai ver boas amizades entre dois ou mais colaboradores com perfil de competidores, já que, para eles, vale a máxima: o importante é competir. No entanto, é preciso saber extrair o melhor desse perfil, orientando sua competitividade para o lado positivo.

Procrastinador

Pessoas com perfil procrastinador costumam ser também as mais criativas de uma empresa. A criatividade tem seu próprio tempo, por mais que os prazos exijam rapidez. O procrastinador é quase sempre aquele das ideias geniais, do toque de mestre e da solução fora da caixa; um profissional que deve lidar com a própria ansiedade.

Pela sua natureza, o procrastinador é também o perfil que melhor trabalha sob pressão. Afinal, para ele nunca existiu a opção tranquila de entregar trabalhos antes do prazo.

Ele vai fazer direito e com muito talento, mas vai entregar na última hora ou atrasado. É preciso tato para enfrentar essas questões, que são, ao mesmo tempo, o céu e o inferno do procrastinador.

Explosivo

Quando categorizamos uma pessoa como “explosiva”, não estamos necessariamente falando do seu temperamento. O explosivo tem picos de produtividade e consegue canalizar energia no trabalho como ninguém.

No entanto, seu defeito é que ele é de extremos. Por exemplo, em dados momentos ele pode tornar-se improdutivo, entediado ou esgotado pelo excesso de trabalho.

Você vai reconhecer um explosivo pela empolgação, pela ansiedade e pela vontade de entregar-se a algo obsessivamente. Essas pessoas estão sempre em busca de alguma coisa que alimente sua vontade de transformar, de melhorar e de impressionar.

O perfil profissional não é individual: é possível a uma mesma pessoa desenvolver habilidades e características de cada um desses tipos. Aliás, é desejável que você faça isso. Assim, entenda as vantagens e as desvantagens de cada categoria explicada e tente aprender com elas!

Aqui na Anhanguera, recomendamos que, se você quiser saber exatamente qual é o seu perfil, busque uma orientação vocacional. Ela pode ajudar nisso e também na escolha de uma profissão, baseada nos prós e nos contras que você apresentar. Nesse sentido, aconselhamos também uma olhada no Canal Conecta — plataforma exclusiva de vagas de emprego e estágio disponível aos nossos alunos. Por meio dela, você tem acesso inclusive a testes comportamentais!

Que tal ampliar essa discussão e descobrir, junto aos seus amigos, qual é o perfil profissional de cada um? Compartilhe este artigo nas suas redes sociais e promova uma discussão saudável!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.