Conheça tudo sobre a área de Gestão Financeira!

área de Gestão Financeira

Gosta de cuidar das próprias finanças e de acompanhar notícias sobre Economia? Se interessa por áreas da Administração? Então, saiba que isso pode virar uma profissão. Se você já cogita atuar nesse universo, a área da Gestão Financeira é uma opção e tanto para o seu perfil.

Os profissionais do ramo vêm ganhando destaque em instituições de crédito, corretoras, bancos, entre outros. Afinal, são eles que mantêm os gastos de uma corporação sob controle e prospectam ótimos investimentos. A carreira conta com dois excelentes atrativos: alta empregabilidade e ótimos salários.

Se quer conhecer as principais informações sobre a área de Gestão Financeira, não perca o post. Boa leitura! ✌️

Como funciona a área de Gestão Financeira?

A área de Gestão Financeira consiste em um conjunto de processos e ações administrativas que envolvem o controle, o planejamento e a análise de atividades financeiras de uma empresa. ? É por meio delas que é possível acompanhar os resultados corporativos, fazer análises de cenários e estabelecer prazos e metas.

Ou seja, com uma boa gestão financeira, a companhia consegue entender o que tem para pagar, quanto ela precisa receber e como está o equilíbrio entre as duas variáveis. De forma geral, a profissão serve para:

  • manter uma relação transparente com conselhos e investidores administrativos;
  • desenvolver cenários financeiros tendo como base o estado atual do negócio e a previsão para a maximização de lucros;
  • garantir a conformidade com os regulamentos federais, estaduais e específicos do setor;
  • acompanhar o fluxo de caixa para garantir que a organização tenha dinheiro suficiente para cumprir as obrigações;
  • maximizar os lucros, oferecendo insights sobre como faturar melhor com determinados produtos e onde as empresas podem reduzir custos.

Qualquer empresa que deseja crescer deve se preocupar com o uso dos recursos financeiros. Só assim é possível verificar se os gastos estão sendo direcionados para o setor correto. Além disso, por meio de uma administração de excelência, o gestor consegue cortar custos extras.

Esses fatores podem impactar diretamente na saúde da companhia e na garantia de sua continuação. Quanto mais precisa e consistente for a sua gestão financeira, maior será a chance de alcançar as metas. Na prática, esse processo é fundamental para:

  • atrair investidores;
  • manter a qualidade dos serviços e dos produtos;
  • ter uma boa relação com fornecedores;
  • ter uma cultura de crescimento estruturada;
  • cuidar do patrimônio empresarial;
  • fazer comissões de vendas justas;
  • não atrasar a folha de pagamento dos trabalhadores;
  • honrar os compromissos financeiros da empresa;
  • investir do melhor modo no crescimento da organização;
  • tentar aumentar a receita em prol de um caixa positivo.

Como está o mercado de Gestão Financeira no Brasil?

O papel dos gestores financeiros é indispensável na estabilidade e no crescimento de corporações de diferentes portes. Afinal, são eles que controlam os gastos da empresa, buscam novas estratégias financeiras, investigam os melhores investimentos e acompanham o fluxo de caixa. ?

No mercado de trabalho, o profissional é bem valorizado principalmente em tempos de instabilidade econômica. Durante crises ou na recuperação econômica dos países, é essencial elaborar orçamentos detalhados, aplicar os recursos em investimentos rentáveis e planejar as finanças.

De modo geral, órgãos públicos, indústrias, prestadoras de serviços e comércios costumam contratar o gestor financeiro, que investiga maneiras de aprimorar o desempenho financeiro da empresa. Ele também pode ser analista de cobranças, supervisor de operações financeiras, consultor de finanças, etc.

Assim, existem diversos cargos relacionados à gestão e ao planejamento de recursos, o que cria uma constante demanda por profissionais especializados. O gestor financeiro também pode trabalhar por conta própria, encontrando oportunidades como consultor de finanças para organizações, ajudando no planejamento tributário de modo terceirizado.

Em relação ao salário, saiba que é muito atrativo, viu? A média é de R$ 6.100,51*, e o teto salarial pode chegar a R$ 17.348,81* para uma jornada de trabalho de 43 horas semanais — muito bom, concorda? Agora, veja a remuneração do gestor financeiro em diferentes tipos de empresas em que atua: ?

  • bancos múltiplos, com carteira comercial: R$ 16.678,80*;
  • atividades de consultoria em gestão empresarial: R$ 10.401,77*;
  • serviços combinados de escritório e apoio administrativo: R$ 8.834,70*;
  • construção de edifícios: R$ 4.740,40*;
  • transporte rodoviário de carga, exceto produtos perigosos e mudanças, intermunicipal, interestadual e internacional: R$ 4.105,13*.

Quais são as tendências para Gestão Financeira?

Se você já decidiu que quer seguir carreira na área, saiba que é fundamental ficar de olho no que anda rolando no mercado. Afinal, a profissão está passando por transformações a todo momento, e o futuro profissional deve acompanhar essas mudanças de perto.

Veja, a seguir, o futuro da Gestão Financeira!

Gestão em nuvem

Fica difícil imaginar as atividades de Gestão Financeira sendo realizadas sem o uso de softwares. Considerando a nova realidade, em que muitas pessoas trabalham em home office, os programas baseados em nuvem são fundamentais.

Com eles, tudo pode ser feito de maneira colaborativa e de qualquer lugar, basta ter internet e um computador. Contudo, nem todo gestor está preparado para lidar com essa tendência. Além de ficar por dentro das melhores soluções, é importante saber tirar proveito desse software. ?

Digital first

As pessoas costumam utilizar os meios digitais para fazer pagamentos e compras. Assim, as companhias financeiras precisam investir em reestruturação digital para não ficarem para trás. ?

Além de aliviar a burocracia e agilizar os processos que envolvem as operações financeiras, o digital first tem como objetivo a melhoria da experiência da clientela. Para dar conta do recado, a atuação de um gestor financeiro qualificado deve aumentar.

Blockchain

Provavelmente, você já ouviu falar em criptomoedas, como o bitcoin, não é mesmo? Uma das sacadas por trás delas é a tecnologia conhecida como blockchain. Ela funciona em blocos, de modo descentralizado, permitindo que soluções seguras sejam criadas.

Além de detectar fraudes, prevenir ataques e garantir o sigilo das informações, o blockchain pode reduzir o tempo de processamento dos dados, tornando o sistema de pagamento mais em conta.

Quais são as principais atuações em Gestão Financeira?

Como a atuação do profissional não se baseia somente no controle de contas, os gestores financeiros têm diversas funções. Você pode atuar em parceria com diferentes setores do negócio, além de explorar as oportunidades em diversos campos da economia. Confira, a seguir, as principais áreas de atuação!

Análise de investimentos

Aplicação de títulos e aquisição de bens são estratégias visadas por pessoas e corporações para que tenham um aumento da rentabilidade. Os profissionais dão suporte nesse sentido, ajudando a tomar decisões e sugerindo mudanças de rota, caso seja necessário. Além disso, é importante analisar a situação da economia internacional e nacional para projetar manutenções, vendas e compras.

Gerência de contas

Embora seja função da Contabilidade acompanhar e registrar as saídas e as entradas de dinheiro, o gestor financeiro também é muito útil nessa parte do negócio. Com uma visão estratégica, os profissionais do ramo conseguem identificar ameaças e oportunidades.

Assim, você será responsável por verificar os valores que estão pendentes, que saem e que entram. Além disso, ficará de olho no cliente inadimplente, no fluxo de caixa e nos pagamentos a fornecedores. Logo, dá para direcionar os recursos, garantindo o seu melhor uso.

Assistência financeira

Quem escolhe seguir carreira nessa área deverá prestar auxílio em diferentes atividades financeiras de uma instituição ou empresa. Pode, por exemplo, reavaliar custos da corporação, realizar faturamento, atuar na área de pagamentos e cobranças, fazer o controle do fluxo de caixa, entre outros.

Nesse caso, é muito importante ter espírito de liderança e muita responsabilidade, já que orientará equipes de trabalho, lidando com o dinheiro do negócio.

Gerência orçamentária

O orçamento é uma das partes mais importantes de todo negócio. Ele auxilia a definir o quanto pode ser gasto e como o recurso deve ser direcionado. Nessa especialidade da Gestão Financeira, os profissionais são responsáveis pela elaboração desses documentos, de acordo com os objetivos e recursos organizacionais.

Essa atuação ajuda a nortear a ação dos outros campos do negócio. Portanto, vale a pena caprichar no trabalho em equipe, uma soft skill fundamental.

Direção financeira

Uma das ocupações mais altas que você pode atuar é a de diretor financeiro. Nesse cargo, os profissionais são responsáveis por cuidar dos detalhes do dinheiro da empresa. Isso envolve o acompanhamento de todos os setores, desde a contabilidade até a parte de finanças.

Também é necessário desenvolver políticas e normas internas, garantindo o seu cumprimento. Além disso, você pode atuar tanto em startups como em empresas tradicionais. Portanto, essa é uma área bastante vasta e, por consequência, a que apresenta os melhores salários.

Como ingressar no mercado de Gestão Financeira?

Agora que já sabe como é o mercado de trabalho e o que faz um profissional de Gestão Financeira, chegou a hora de saber como ingressar nessa carreira tão promissora. Abaixo, você vai conhecer algumas dicas que fazem toda a diferença. Dá só uma olhada! ?

Faça uma graduação na área

O primeiro passo para ser um gestor financeiro de sucesso é cursar uma graduação no ramo. Na Anhanguera, o Tecnólogo em Gestão Financeira dura cerca de 2 anos (4 semestres).

Esse tipo de formação é mais enxuto quando se compara à Licenciatura ou ao Bacharelado, por exemplo. Nesse caso, as aulas têm um direcionamento voltado para o dia a dia profissional, além de formação específica.

Uma das vantagens de escolher essa graduação na Anhanguera é que você pode cursá-la em três modalidades de ensino: presencial, semipresencial e EAD, tendo todos os benefícios que esse formato oferece.

Como é comum em faculdades de Gestão, esse curso se inicia com uma formação básica, que tem o objetivo de oferecer um conhecimento generalista aos alunos. Depois desse tempo, você entra em contato com uma formação mais específica, com disciplinas que proporcionam os conhecimentos técnicos necessários para a atuação como gestor financeiro.

Confira alguns dos principais conteúdos estudados:

  • Mercado de Capitais;
  • Gestão Financeira;
  • Análise de Demonstrações Financeiras;
  • Capital de Giro;
  • Análise de Custos.

Além de uma grade curricular de Gestão Financeira atualizada e completa, na Anhanguera, você encontra outros diferenciais exclusivos que fazem aquela diferença para a sua formação! ? Temos corpo docente formado por mestres, doutores e especialistas em várias áreas do conhecimento e infraestrutura completa e de ponta.

Pensa que acabou por aí? Nada disso! Veja outras vantagens de estudar com a gente: ?

  • formas de ingresso facilitadas;
  • várias bolsas de estudos que dão aquele alívio para o bolso, como Bolsa Transferência, Bolsa Primeiro Semestre, Bolsa para servidores públicos e militares e Bolsa Enem (Exame Nacional do Ensino Médio);
  • acesso ao Canal Conecta, portal que oferece diversas vagas de estágio e emprego em diferentes regiões do país.

Conheça o perfil do gestor financeiro

Antes de ingressar no mercado de trabalho, é importante desenvolver algumas habilidades para trilhar um caminho de sucesso. Veja as principais características do profissional!

Capacidade analítica

Os gestores financeiros lidam com uma grande quantidade de dados de diferentes setores da organização. Por essa razão, é importante ter capacidade analítica para interpretar de maneira correta todas as informações. Além disso, é fundamental saber encontrar alternativas viáveis para solucionar os problemas que aparecem.

Inteligência emocional

Essa é uma habilidade que, independentemente do cargo ocupado, é fundamental para qualquer gestor financeiro. Também é necessário saber controlar o estresse e se adaptar quando algo fora do controle acontece.

Erros podem surgir a qualquer momento e, por melhor que o profissional seja, bons gestores devem ter sangue frio para tomar decisões acertadas e colocar tudo nos trilhos novamente.

Capacidade de liderança

Outra aptidão indispensável para um gestor financeiro é a capacidade de liderança. É preciso saber mobilizar e direcionar as pessoas, fazendo com que busquem alcançar os objetivos e metas da empresa.

Se você não tem essa habilidade, fique tranquilo! É possível desenvolvê-la ao longo da formação, por meio de leituras, cursos sobre o assunto e, principalmente, ao se inspirar em algum líder da empresa que você admira.

Agora é com você!

Agora que já conhece as principais informações sobre a área de Gestão Financeira, o próximo passo é investir no seu futuro. Por isso, estude na Anhanguera e tenha acesso a um dos melhores ensinos superiores do país!

Seja o profissional do futuro e não perca mais tempo. Inscreva-se no vestibular online da Anhanguera e saia na frente!

*Sujeito a alterações

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.5 / 5. Número de votos: 4

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registered successfully
Oops! Invalid email, please check if the email is correct.
Oops! Invalid captcha, please check if the captcha is correct.