Edição e Tratamento de Imagens: conheça tudo sobre essa área!

Banner curso de Inteligencia Artificial por R$ 66,42 na Anhanguera

Uma área bastante promissora atualmente é a de Edição e Tratamento de Imagens. Com certeza você já reparou como nossa rotina está sempre mediada por imagens e vídeos, não é mesmo?

Muitos desses conteúdos são produzidos, editados ou tratados por profissionais desse setor. E claro, com o aumento das empresas que atuam no ambiente digital, a demanda por profissionais especializados está aumentando bastante.

Ficou interessado? Então conheça tudo sobre essa área e entenda como você pode alcançar o sucesso esperado ao investir nesse caminho profissional.

O que é a área de Edição e Tratamento de Imagens?

A área de Edição e Tratamento de Imagens é aquela dedicada à manipulação, edição e tratamento de imagens, sejam elas estáticas ou em vídeo para um fim específico.

Por exemplo, quando você vê um post nas redes sociais com um texto e uma foto em conjunto, quem fez isso foi um profissional de edição.

Da mesma forma, as fotos profissionais que você encontra muito provavelmente passaram por um processo de tratamento realizado por um profissional especializado também no assunto.

O profissional, portanto, pode criar colagens, montagens, retirar elementos, corrigir cores, criar uma imagem do zero, inserir legendas, entre outras possibilidades interessantes. Mais uma vez, o que vai ditar o que será feito é o objetivo que aquela imagem possui.

Qual a importância de um bom Editor de Imagens?

Quantas imagens você vê todos os dias? Um filme no cinema ou no streaming, um vídeo no YouTube, fotos em redes sociais, um vídeo de um influencer, um programa de TV, entre outras possibilidades.

Com a melhoria da captação de imagens e, também, com as tecnologias cada vez mais evoluídas, o público quer encontrar sempre imagens de qualidade no dia a dia. É aí que entra o papel do Editor de Imagens.

Por exemplo, um cinegrafista que filme em um local escuro não conseguiria fazer a correção nas condições que tinha na hora. Fica sob a responsabilidade do Editor, portanto, corrigir o tom para que a imagem possa ser vista nas telas na exibição do telejornal.

Da mesma forma, o conteúdo não vai bruto no ar: o profissional realiza cortes para que a reportagem tenha o tempo necessário para encaixar-se no programa, sem estourar. Além disso, outros elementos também impactam no resultado das imagens.

Por exemplo, entram os créditos dos repórteres e dos entrevistados, entra também o nome das cidades, são realizadas transições entre os takes, entre outras possibilidades. Tudo isso é feito por meio do trabalho de um editor de imagens.

Quais as funções de um Editor de Imagens?

Você já viu alguns exemplos, mas para entender melhor o dia a dia de um profissional de Edição e Tratamento de Imagens, é fundamental conhecer suas funções no dia a dia.

Vamos conhecer as principais delas a seguir.

  • Conversar com os gestores e profissionais envolvidos (ou com clientes, dependendo da área de atuação) para entender qual é o objetivo que aquela imagem pretende cumprir: informar? Divulgar? Divertir? Tudo isso orientará o trabalho do profissional;
  • Consultar o briefing ou manual da marca para compreender quais são os padrões que ele deve seguir na hora de editar uma imagem (seja ela estática ou um vídeo);
  • Tratar as imagens, corrigindo distorções, fazendo cortes, equilibrando cores, melhorando enquadramentos, entre outras possibilidades;
  • Participa em conjunto com outros profissionais em processos de pós-produção. Por exemplo, no caso de uma produção audiovisual, ele está sempre alinhado com o editor de áudio para que o produto final seja de qualidade.

Qual o perfil do profissional que trabalha com Edição e Tratamento de Imagens?

O profissional que trabalha com Edição e Tratamento de Imagens precisa ter uma visão analítica e sempre investigativa: afinal, tem algum detalhezinho que precisa ser corrigido? Se não perceber, todo o público poderá notar a falha.

Além disso, ele precisa ser uma pessoa criativa. Isso vale, principalmente, quando atua para criação de montagens e colagens ou retirada de elementos de uma imagem. Muitas vezes, a questão é desafiadora e exige soluções diferenciadas.

Outra característica do perfil do profissional de Edição e Tratamento de Imagens é ser uma pessoa curiosa. É preciso sempre buscar quais são as novas tendências e ferramentas utilizadas no mercado.

E, também, precisa ter uma boa comunicação e escuta ativa para entender quais são as necessidades e expectativas de quem o contratou, para entregar as melhores peças.

Como está o mercado de Edição e Tratamento de Imagens?

Esse é um ponto que sempre chama atenção de quem está pensando em entrar no mercado de Edição e Tratamento de Imagens: o mercado está favorável para atuação?

Com o aumento no número de empresas que estão investindo em presença online, é preciso ter um profissional de Edição e Tratamento de Imagens que dê suporte para as atividades no dia a dia. Isso aquece o mercado.

E com a exigência do público, quem realmente atua com qualidade e eficiência sai a frente e consegue as melhores oportunidades. Para isso, é importante ter uma boa formação para proporcionar maior sucesso.

Além disso, o aumento no número de veículos independentes também exige profissionais que atuem nessa área. Por isso, não faltarão oportunidades de emprego nos próximos anos para quem entrar nessa área.

Outro ponto é que o salário também é bastante atrativo, com uma média maior do que outras áreas existentes no mercado atualmente. E isso vale já desde a sua entrada, com o valor inicial.

Entre na área de Edição e Tratamento de Imagens com o apoio da Anhanguera

Se você gostou de saber mais sobre a área de Edição e Tratamento de Imagens e quer trabalhar com isso, um curso profissionalizante de curta duração é a melhor trajetória para isso.

Em poucas horas ou dias, você estará preparado para aproveitar esse mercado que está cada vez mais em alta. Para isso, conte com a Anhanguera!

Aqui você encontra profissionais especializados e experientes na área que vão ajudar você a saber mais sobre a área e entrar com tudo nesse mercado em alta.

Faça sua inscrição já e comece a mudar o futuro da sua carreira!

Quais são as ferramentas de trabalho de um editor de imagem?

Um editor de imagem precisa ter um dispositivo com capacidade de processamento de imagem boa, com velocidade de processador de qualidade e, também, ferramentas atualizadas para realizar o processo.
Até mesmo na edição realizada em dispositivos móveis (como smartphones e tablets) é preciso considerar esses dois pontos. Por isso, sempre pesquise aqueles que possuem um bom processador, memória RAM alta e, quando possível, placa de vídeo dedicada.

O que é preciso para ser editor de imagem?

Para trabalhar com edição de imagem, em primeiro lugar, é importante ter o ensino médio completo e um curso profissionalizante para ajudá-lo no conhecimento técnico.
Para além disso, é importante desenvolver um olhar analítico e detalhista, para identificar cada etapa que merece atenção na hora de realizar a edição e tratamento das imagens.

Qual a diferença entre autor e editor de imagem?

O autor é aquele que obteve a imagem original, enquanto o editor é a pessoa que obtém o material bruto para ser trabalhado e oferecer uma pós-produção melhor feita.
Ou seja, ele deixa o produto coletado inicialmente preparado para ser distribuído para o público de acordo com o canal escolhido para este fim.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.8 / 5. Número de votos: 4

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Inscreva-se gratuitamente no vestibular online ou use sua nota do Enem para obter bolsas e descontos!

Artigos relacionados